Clinton admite que derrota é dolorosa mas que todos têm de aceitar resultados

Clinton admite que derrota é dolorosa mas que todos têm de aceitar resultados
| Mundo
Porto Canal com Lusa

A candidata democrata às presidenciais norte-americanas, Hillary Clinton, afirmou hoje que a derrota "é dolorosa", mas instou os seus apoiantes a "aceitarem os resultados" e que "Donald Trump é o presidente".

Falando publicamente pela primeira vez desde que foi conhecida a vitória do candidato republicano, Clinton frisou a importância de todos defenderem "valores comuns" como o primado da lei, a igualdade e a não-discriminação.

+ notícias: Mundo

OMS estima que sismo na Turquia e Síria terá afetado até 23 milhões de pessoas

A Organização Mundial da Saúde (OMS) diz que o sismo que abalou a Turquia e a Síria terá afetado diretamente 23 milhões de pessoas, das quais 1,4 milhões são crianças.

"Uma das maiores catástrofes do mundo". Presidente turco anuncia três meses de estado de emergência

O governo turco declarou, esta terça-feira, estado de emergência por três meses nas 10 províncias afetadas pelos fortes sismos de segunda-feira, que já provocaram pelo menos 3.549 mortos e 22.000 feridos no país.

Dois transexuais de Hong Kong alcançaram a "vitória final" em tribunal em relação à mudança de género

O tribunal de última instância de Hong Kong decidiu que a cirurgia de mudança completa de sexo não deve ser um requisito para que alguém veja o género alterado nos documentos de identidade oficiais.