Imprensa espanhola junta Benfica à corrupção no futebol europeu

| Desporto
Porto Canal

O jornal espanhol El Mundo coloca o enfoque nas suspeições do Ministério Público de mais um caso de corrupção no Benfica.

A suspeita é que o clube da Luz terá pago dois milhões e meio de euros como contrapartida por um penalti cometido por um jogador do Moreirense, que garantiu a vitória por 1-0 no jogo da última jornada. Esta vitória garantiu ao Benfica o segundo lugar e o acesso à Liga dos Campeões quando lutava com o Sporting o acesso à "liga milionária" na época 2017/2018, quando o FC Porto já se tinha sagrado campeão nacional.

Há investigações sobre o penalti e agora o fisco investiga a recompra de Alfa Semedo por 2,5 milhões de euros, 46 dias depois do jogo que valeu aos encarnados o segundo lugar, havendo suspeições que o Benfica conseguiu o acesso à Liga dos Campeões por esse valor pago ao Moreirense.

"Não é admissível que as pessoas levantem uma questão destas, porque tudo isto é transparente. Se foi para o Benfica é porque os técnicos do Benfica quiseram e porque o presidente do Benfica quis. É um jovem e é dos jovens que o nosso país precisa”, afirmou o presidente do Moreirense, Vítor Magalhães, à rádio Renascença, contudo Alfa Semedo viria a ser emprestado logo na seguinte época ao Espanhol e de seguida ao Nottingham Forest e ao Reading, de Inglaterra.

O jornal espanhol refere que este é apenas mais um caso no megaprocesso de corrupção envolve o Benfica. Desde o caso dos ‘Vouchers’ ao processo ‘E-toupeira’, passando pelo processo ‘saco azul’, o caso dos ‘emails’, o ‘Mala Ciao’ e pela ‘Operação Lex’.

O El Mundo aponta que tudo fica mais suspeito tendo em conta que o presidente do Benfica, à época, era Luís Filipe Vieira, que acabaria detido por suspeitas de crimes de burla qualificada, crimes de fraude fiscal qualificada e branqueamento de capitais. Foi mais tarde acusado de suborno com bilhetes de futebol, convites e viagens ao estrangeiro.

O Benfica é desta forma associado à corrupção do futebol europeu pela publicação espanhola, que lembra o ‘Caso Prisma’ na liga italiana que retirou 15 pontos à Juventus, ainda as 100 infrações do Manchester City na liga inglesa e ainda dos pagamentos do Barcelona ao vice-presidente dos árbitros durante 17 anos.

Recentemente, houve leitura do acórdão do caso 'E-toupeira', após vários adiamentos. O ex-assessor jurídico do Benfica, Paulo Gonçalves, foi condenado a dois anos e seis meses de prisão com pena suspensa.

+ notícias: Desporto

Eleições FC Porto: Portal do recenseamento pioneiro disponível para os sócios

Na antecâmara das eleições agendadas para 27 de abril, o FC Porto disponibiliza a partir desta sexta-feira um portal digital, através do qual cada sócio pode consultar dados relativos ao seu recenseamento e à sua capacidade eleitoral.

Sérgio Conceição: "A atitude é inegociável"

Sérgio Conceição promete “fazer tudo para ganhar” ao Casa Pia (domingo, 18h00).

FC Porto (Hóquei em patins): Cada vez mais líderes. Crónica do jogo

O FC Porto venceu em Riba d’Ave (3-0) e aproveitou o deslize do Sporting na antepenúltima jornada da fase regular.