Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

MP leva a julgamento nove arguidos no surto de 'legionella' em Vila Franca de Xira

| País
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 15 mar (lusa) -- O Ministério Público decidiu levar a julgamento sete pessoas e duas empresas no caso do surto da 'legionella' no concelho de Vila Franca de Xira em 2014,anunciou hoje a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL).

Segundo a PGDL, os sete arguidos são acusados dos crimes de infração de regras de construção (conservação) e ofensas à integridade física por negligência e as duas sociedades pelos crimes de infração de regras de construção.

As sociedades em causa são uma fábrica de adubos em Alverca do Ribatejo e a empresa responsável pelo tratamento da água existente nos circuitos de arrefecimento utilizados pela primeira, que incluem torres de arrefecimento.

A PGDL adianta que foi arquivado parcialmente o inquérito quanto à eventual verificação de um crime de poluição, por não se mostrarem preenchidos alguns dos respetivos elementos típicos.

CMP/GC // HB

Lusa/fim

+ notícias: País

Banco Alimentar contra a Fome recolheu 1.008 toneladas de alimentos no sábado

O Banco Alimentar contra a Fome recolheu no sábado, durante o primeiro dos dois dias de campanha, 1.008 toneladas de alimentos, revelou à agência Lusa a presidente da Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares Contra a Fome, Isabel Jonet.

Falta de pagamento de horas extra deixa ambulâncias paradas

Os técnicos de ambulância do INEM estão no limite. Tudo porque as horas extra não podem ultrapassar os 60% do vencimento base. Ora no espaço de um mês com o Papa em Fátima e o Rally de Portugal, houve serviços que não foram assegurados pelos técnicos, como em Gaia ou Espinho.

Inspetores do SEF dizem que falta de efetivos é "insustentável"

O sindicato que representa os inspetores do SEF disse hoje que estes profissionais estão "sem os meios adequados para corresponder ao aumento exponencial de trabalho e risco" e que a falta de efetivos está a tornar-se "insustentável".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS