Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Confirmado terceiro caso de "doença dos legionários" na Maia

Confirmado terceiro caso de "doença dos legionários" na Maia
| Norte
Porto Canal com Lusa

Um novo caso de "doença dos legionários" no concelho da Maia foi hoje notificado pelas autoridades de saúde, subindo para três o número de confirmações de pessoas infetadas com a bactéria 'Legionella', anunciou a Direção-Geral da Saúde (DGS).

Este terceiro caso, notificado através do Sistema Nacional de Vigilância Epidemiológica (SINAVE), refere-se a um doente que se encontra internado no Centro Hospitalar de São João, no Porto, com "estado clínico considerado estável".

A DGS adianta que se mantém o nível de alerta, "uma vez que coincide com o último dia do período de incubação correspondente à desinfeção das torres (de arrefecimento de ar-condicionado) suspeitas".

A autoridade de saúde reitera que "a população residente no concelho da Maia não precisa de tomar cuidados adicionais" e acrescenta que "os trabalhos conduzidos pela Inspeção-Geral do Ambiente (IGAMAOT) confirmam que a unidade fabril está em condições de continuar a laboração".

Isto porque "os trabalhos de desinfeção entretanto concluídos revelaram amostras sem contaminação, segundo o Instituto Ricardo Jorge", segundo o comunicado da DGS.

+ notícias: Norte

Boticas é um dos concelhos 'em alerta' devido à possibilidade de cheias

Boticas é um dos concelhos em risco devido à possibilidade de cheias e enxurradas. O autarca diz que o Governo precisa de "coragem política" para reverter a situação.

Inaugurado em Vila Real laboratório de realidade virtual mais avançado da Península Ibérica

Foi inaugurado o laboratório de realidade virtual mais avançado da Península Ibérica. Fica em Vila Real, na Escola de Ciência e Tecnologia da Universidade de Trás-os-Montes e lá vão ser criadas soluções multissensoriais que podem ser adaptadas a áreas como a educação, treino, indústria, turismo ou saúde.

Ex-administradores da Gaianima começam a ser julgados por abuso de poder, peculato e infidelidade

Começaram a ser julgados esta terça-feira os três ex-administradores da Gaianima, a extinta empresa municipal de Vila Nova de Gaia. Ricardo Almeida, Angelino Ferreira e João Vieira Pinto respondem por crimes de abuso de poder, peculato e infidelidade. Na primeira sessão todos se remeteram ao silêncio.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS

Nota Alta

"Todos nós estamos desenhados...