"Vice" de Moreira assume liderança do movimento independente

 

| Norte
Porto Canal

Filipe Araújo, vice-presidente da Câmara Municipal do Porto, vai ser candidato à presidência da Associação Cívica “Porto, o Nosso Movimento”, de olhos postos na corrida à autarquia da Invicta. Este é assim um passo seguro rumo a um destino que muitos lhe vão apontando, o de ser o sucessor de Rui Moreira.

Fonte do movimento avançou ao Porto Canal o cenário, entretanto confirmado pelo próprio ao Jornal Público. Este era, aliás, um rumor que vinha há muito ganhando força.

“Esta candidatura é um projeto de continuidade, alicerçado numa gestão da cidade de Rui Moreira e o seu executivo. A associação soube ajudar à construção desse caminho, um caminho independente, com pensamento próprio, centrado no Porto, sem diretórios a condicionar e sempre em defesa do seu Porto”, explicou o número dois de Moreira.

Filipe Araújo é então aquele que, dentro do movimento independente, reúne melhores condições para se apresentar como herdeiro natural de Rui Moreira. Uma mudança que representa, na visão de alguns associados “o início do embrião de uma candidatura independente à Câmara do Porto nas eleições autárquicas de 2025.”, ato eleitoral ao qual Moreira não se irá recandidatar.

O vice-presidente da Câmara do Porto, convicto do caminho traçado até aqui, afirma que “desde 2013, a cidade tem assistido a um desenvolvimento enorme e a associação soube ajudar à construção desse caminho, um caminho independente, com pensamento próprio, centrado no Porto, sem directórios a condicionar e sempre em defesa do seu Porto”.

Agora, o trabalho passa por reunir e constituir a sua equipa, mas com objetivos bem definidos e em nada diferentes dos traçados até então. "Queremos continuar a agregar mais portuenses e fomentar uma reflexão informada e participada sobre o futuro da cidade.”, afirmou em declarações ao Jornal Público. 

Ainda assim, há quem ache dentro do movimento independente que Filipe Araújo precise de ganhar "mais músculo político" até conseguir protagonizar uma campanha vencedora nas próximas eleições autárquicas, de acordo com o Observador. 

Embora não tenha feito parte do conselho de fundadores, como Rui Moreira, Valente de Oliveira ou Francisco Ramos, Filipe Araújo foi admitido, por unanimidade, sócio fundador da associação, assumindo agora candidatura à sua liderança. 

+ notícias: Norte

Incêndio em habitação faz quatro desalojados em Paços de Ferreira

Um incêndio deflagrou este domingo no sótão de uma habitação em Paços de Ferreira, no distrito do Porto, causando quatro desalojados, nomeadamente uma mãe e três filhos.

Implementação do Metro do Porto foi "processo de catequização"

O administrador dos Transportes Intermodais do Porto, Manuel Paulo Teixeira, disse que a equipa que lançou o Metro do Porto, da qual fez parte, fez "um processo de catequização" para convencer pessoas, autarcas a instituições.

Impedidos de entrar no Casino de Espinho agridem três PSP. Foram detidos

A polícia deteve três pessoas por injúrias e agressão contra três agentes da PSP que se encontravam ao serviço no casino de Espinho, este domingo.