Bragança abre 16 vagas para atenuar redução da cobertura de médico de família

Bragança abre 16 vagas para atenuar redução da cobertura de médico de família
| Norte
Porto Canal com Lusa

A Unidade Local de Saúde (ULS) do Nordeste anunciou hoje a abertura de 16 vagas para médicos de família para atenuar a redução da taxa de cobertura, que afeta um quarto da população só no concelho de Bragança.

A ULS do Nordeste é a responsável pelos cuidados de saúde em todo o distrito de Bragança e só nos primeiros três meses de 2022 duplicou para 9.713 o número de utentes sem médico de família, 6.800 dos quais no concelho de Bragança.

Aquela entidade divulgou hoje que lhe foram atribuídas 16 vagas para contratação de especialistas de Medicina Geral e Familiar, uma área onde 22 dos médicos ao serviço, nos 14 centros de saúde, atingiram ou vão atingir a idade da reforma este ano.

A falta de especialistas sempre foi apontada como o principal problema da Saúde nesta região, que se destacava, contudo, a nível nacional por apresentar das maiores taxas de cobertura de médico de família, chegando a haver apenas 35 utentes sem clínico atribuído, num universo de cerca de 130 mil.

Os 14 centros de saúde da região enfrentam atualmente o problema dos três hospitais com falta de médicos em várias especialidades que são também abrangidas pelos vagas abertas anunciadas hoje e que já foram alvo de outros concursos que ficaram desertos, em anos anteriores.

Do total das vagas atribuídas à ULS do Nordeste no novo concurso nacional para médicos recém-especialistas do Serviço Nacional de Saúde (SNS), além das 16 nos cuidados de saúde primários, “há também 19 vagas para especialidades na área Hospitalar”, como divulgou aquela entidade.

As especialidades hospitalares contempladas são anestesiologia, cardiologia, cirurgia geral, ginecologia/obstetrícia, medicina do trabalho, medicina física e reabilitação, medicina interna, nefrologia e neurologia.

Há ainda vagas em oftalmologia, ortopedia, otorrinolaringologia, pediatria, pneumologia, psiquiatria, psiquiatria da infância e da adolescência, radiologia e urologia.

A ULS do Nordeste congratula-se, em comunicado, “com a atribuição destas vagas para a contratação de especialistas, na expectativa de que possa vir a reforçar o seu quadro de pessoal médico, nas unidades hospitalares e nos centros de saúde do distrito de Bragança”.

+ notícias: Norte

Porto: o caos no trânsito e os cinco principais pontos críticos da cidade

O trânsito no Porto pode ser uma dor de cabeça para quem tem de atravessar a cidade. Ao longo dos anos, o número de veículos em circulação nas principais vias da cidade tem aumentado, o que faz com que a rede fique congestionada. A travessia do rio Douro é exemplo do caos que podem ser as horas de ponta, mas não é o único.

Eduardo Vítor Rodrigues defende que metro na Ponte da Arrábida "não faz sentido absolutamente nenhum"

O presidente da Câmara de Gaia disse, esta sexta-feira, compreender as dúvidas colocadas pelo homólogo do Porto sobre a nova ponte do metro, nomeadamente no que diz respeito à inserção urbanística nas margens, lembrando que nenhum dos dois pretende "remendos". No que diz respeito às alternativas que têm sido sugeridas, especialmente uma eventual inserção da futura linha Rubi na Ponte da Arrábida, o autarca gaiense considera não fazerem "sentido nenhum" e que até "iria desvirtuar aquilo que o metro significa".

Tribunal confirma condenação de comentador da BTV por insultos a Pinto da Costa

O Tribunal da Relação do Porto manteve a condenação de Pedro Abreu Rocha por insultos proferidos contra Jorge Nuno Pinto da Costa numa emissão do programa Lanças Apontadas, da Benfica TV, a 21 de novembro de 2018. O advogado foi condenado a pagar uma multa de 2.000 euros e 5.000 euros a título de indemnização.