Urgência de Ginecologia e Obstetrícia do Hospital de Braga encerrada entre domingo e segunda-feira

| Norte
Porto Canal com Lusa

O Serviço de Urgência de Ginecologia e Obstetrícia do Hospital de Braga estará encerrado entre as 08:00 de domingo e as 08:00 de segunda-feira, anunciou hoje a unidade de saúde.

Num comunicado, o hospital precisa que o encerramento se deve à "impossibilidade de se completarem as escalas de trabalho necessárias".

"O conselho de administração ressalva que envida diariamente todos os esforços com a finalidade de, sobretudo, manter assegurada a prestação de cuidados de saúde de forma regular às grávidas e parturientes da região", refere o comunicado.

O hospital reforça que está a "trabalhar de forma articulada com outros hospitais da região para que a resposta aos utentes seja garantida pela rede de instituições do Serviço Nacional de Saúde".

Em caso de urgência, a unidade pede aos utentes para contactarem a Linha SNS 24 - 808 24 24 24 e para se dirigirem a um dos outros hospitais da região, nomeadamente aqueles que têm apoio da especialidade de Ginecologia e Obstetrícia, entre os quais Guimarães, Vila Nova de Famalicão e Viana do Castelo.

"Em casos de maior complexidade, os utentes devem dirigir-se ao Centro Hospitalar de São João", refere ainda o comunicado.

Esta é quarta vez na última semana e meia que o Hospital de Braga encerra as urgências das duas especialidades por 24 horas, com o mesmo motivo.

Nas últimas semanas, vários serviços de urgência destas especialidades e blocos de partos de vários pontos do país tiveram de encerrar por determinados períodos ou funcionaram com limitações, devido à dificuldade dos hospitais em completarem as escalas de serviço de médicos especialistas.

+ notícias: Norte

Porto: o caos no trânsito e os cinco principais pontos críticos da cidade

O trânsito no Porto pode ser uma dor de cabeça para quem tem de atravessar a cidade. Ao longo dos anos, o número de veículos em circulação nas principais vias da cidade tem aumentado, o que faz com que a rede fique congestionada. A travessia do rio Douro é exemplo do caos que podem ser as horas de ponta, mas não é o único.

Eduardo Vítor Rodrigues defende que metro na Ponte da Arrábida "não faz sentido absolutamente nenhum"

O presidente da Câmara de Gaia disse, esta sexta-feira, compreender as dúvidas colocadas pelo homólogo do Porto sobre a nova ponte do metro, nomeadamente no que diz respeito à inserção urbanística nas margens, lembrando que nenhum dos dois pretende "remendos". No que diz respeito às alternativas que têm sido sugeridas, especialmente uma eventual inserção da futura linha Rubi na Ponte da Arrábida, o autarca gaiense considera não fazerem "sentido nenhum" e que até "iria desvirtuar aquilo que o metro significa".

Tribunal confirma condenação de comentador da BTV por insultos a Pinto da Costa

O Tribunal da Relação do Porto manteve a condenação de Pedro Abreu Rocha por insultos proferidos contra Jorge Nuno Pinto da Costa numa emissão do programa Lanças Apontadas, da Benfica TV, a 21 de novembro de 2018. O advogado foi condenado a pagar uma multa de 2.000 euros e 5.000 euros a título de indemnização.