Urgências de Ginecologia e Obstetrícia do Hospital de Braga voltam a encerrar no domingo

| Norte
Porto Canal

O Sindicato Independente dos Médicos representado por Hugo Cadavez adiantou, em entrevista ao Porto Canal na manhã desta quarta-feira, que as urgências de Ginecologia e Obstetrícia do Hospital de Braga voltam a encerrar no próximo domingo, visto que a "equipa está muito a baixo daquele que é o número mínimo de cinco médios obstretas necessários para uma urgência daquele hospital funcionar".

Além disso, Hugo Cadavez explicou que não é uma situação "exclusiva" de dias, mas sim um problema que se irá prolongar "ao longo dos próximos meses" com uma escala muito incompleta, provocando "dias de encerramento consecutivo, nomeadamente, nos meses de julho e agosto".

Perante toda esta fragilidade, vários foram os médicos obstretas que já saíram do Hospital de Braga, quer por aposentação, quer por rescisão. Situação que significa "uma clara insatisfação dos médicos com as suas condições de trabalho", contou Hugo Cadavez.

+ notícias: Norte

FC Porto: As primeiras palavras de David Carmo de Dragão ao peito

Está apresentada a primeira aquisição do FC Porto para a temporada 2022/23. David Carmo nasceu em Aveiro há 22 anos, tem 1,96 metros de altura e é um dos jovens intenrnacionais portugueses mais promissores da atualidade. Com passagens pelos escalões de formação do Beira-Mar, Estarreja, Benfica, Anadia e Sanjoanense antes de se fixar no SC Braga, o defesa sagrou-se Campeão Europeu de Sub-19 enquanto titular da seleção nacional em 2018 e, três anos depois, ergueu a Taça de Portugal com a camisola dos arsenalistas.

PSP detém 14 pessoas em operação sobre material furtado no Grande Porto

A PSP deteve hoje 14 pessoas e apreendeu "alguns milhares de peças de vestuário" numa operação sobre material "furtado" que decorre "desde o início desta manhã" no Grande Porto, indicou fonte do Comando Metropolitano do Porto.

Enfermeiro do IPO-em protesto por melhores condições de trabalho. Exigem que "todo o trabalho que efetuam seja pago"

Os enfermeiros do IPO-Porto estiveram ao longo desta terça-feira em protesto por melhores condições de trabalho. No local, o Porto Canal esteve à conversa com Fátima Monteiro do sindicato dos enfermeiros portugueses e, entre as várias declarações, Fátima explicou que os profissionais reivindicam "aquilo que acham que é justo", ou seja, "todo o trabalho que efetuam seja pago".