“Antes que a ponte caia”. Ponte Maria Pia assinala 146 anos com almoço no Porto

“Antes que a ponte caia”. Ponte Maria Pia assinala 146 anos com almoço no Porto
| Porto
Porto Canal

A ponte centenária que liga Porto e Vila Nova de Gaia assinala, este sábado, 146 anos da inauguração. Começou a servir as duas cidades em 1877, mas em 1991 a infraestrutura deixou de ser uma travessia. Nesse ano, a Ponte Maria Pia foi desativada.

Este sábado, a Liga dos Amigos da Ponte Maria Pia assinala o aniversário da inauguração com um almoço no Porto sob o lema: “Antes que a ponte caia”, no café Guarany, refere o Jornal de Notícias.

A Ponte Maria Pia, projetada por Gustavo Eiffel, foi inaugurada em 1877 e foi utilizada até 1991 para ligar as cidades do Porto e de Vila Nova de Gaia através de comboio. Está, desde 1982, classificada como Monumento Nacional.

Em agosto de 2022, a Infraestruturas de Portugal (IP) revelou ter previsto analisar com os municípios de Vila Nova de Gaia e do Porto a utilização futura da Ponte Maria Pia, sobre o Douro, como via pedonal e ciclável.

A promotora Margem a Margem, SA, que já tinha apresentado um projeto em 2018, apresenta agora um novo deixando de fora a adaptação do antigo ramal da Alfândega, avança o Jornal de Notícias, já que o ramal está a ser alvo de um protocolo entre a Câmara do Porto e a IP.

O novo projeto da promotora centra-se agora na ponte e no acesso ao parque Maria Pia, em Vila Nova de Gaia. A reabilitação terá um custo “entre os três e os quatro milhões de euros”, afirma o responsável pela empresa, Anjos Pereira, ao jornal, acrescentando que os investidores “têm capital suficiente” para viabilizar o projeto.

+ notícias: Porto

O antigo quarteirão da Casa Forte mudou com o Porto

O antigo quarteirão da Casa Forte, no coração do Porto, ganhou o nome da loja da esquina voltada ao Mercado do Bolhão. A emblemática empresa da cidade viria a encerrar em 2004, paradoxalmente o ano da criação da Porto Vivo, Sociedade de Reabilitação Urbana, que lançou as bases da nova vida do quarteirão. Entre projetos, demolições e mudança de promotores imobiliários, só ao fim de quase 20 anos é que o espaço da cidade vai voltar a receber moradores. Numa viagem pela história, que resposta dá à cidade o novo Quarteirão da extinta Casa Forte?

“A ‘cidade-negócio’ vai-se descaracterizando completamente perdendo interesse até para turistas”

A histórica Mercearia do Bolhão, aberta no Porto desde 1880, vai encerrar portas a 30 de abril para dar lugar a uma loja da multinacional Ale-Hop, como avançou o Porto Canal na manhã desta sexta-feira. À esquerda, os vereadores da oposição da Câmara do Porto lamentam que a cidade se vá ‘descaracterizando’.

Neonia: o novo museu interativo e néon que ilumina a história do Porto

Sabia que em 1917, dois acrobatas subiram à Torre dos Clérigos sem qualquer equipamento de proteção para promover uma marca de bolachas? Apesar de já ter passado mais de um século, este é um entre os tantos acontecimentos lembrados no novo museu que abriu portas este sábado no coração do Porto. “O Neonia é uma pura homenagem à cidade”, sublinha um dos responsáveis.