Urgências de Obstetrícia de Loures reabriram às 15:00 e funcionam normalmente

| País
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 25 jun 2022 (Lusa) -- As urgências de Ginecologia e Obstetrícia do Hosptal Beatriz Ângelo, em Loures, encerradas desde as 14:00 de sexta-feira, reabriram hoje às 15:00 e encontram-se a funcionar normalmente, informou a Administração Regional de Saúde.

"A Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT) informa que a urgência de Ginecologia/Obstetrícia do Hospital Beatriz Ângelo (HBA) reabriu às 15:00 de hoje e encontra-se a funcionar normalmente", lê-se numa nota enviada à Lusa.

A ARSLVT acrescentou ainda que os restantes serviços de ginecologia e obstetrícia da região "estão a funcionar dentro da normalidade".

Aquele serviço do hospital de Loures encerrou às 14:00 de sexta-feira e inicialmente a sua reabertura esteve agendada para as 08:00 de hoje.

Contudo, o serviço permaneceu encerrado durante a manhã e as primeiras indicações da ARSLVT à Lusa apontavam a reabertura para as 08:00 de domingo.

A entidade resslvou, porém, que poderão existir limitações em algumas unidades hospitalares, o que significa que em alguns casos, em "determinado período do dia", poderá ser ativado o desvio coordenado pelos Centros de Orientação de Doentes Urgentes com o Instituto Nacional de Emergência Médica, sendo as grávidas encaminhadas para outras unidades da região.

Nas últimas semanas, vários serviços de urgência destas especialidades e blocos de partos de vários pontos do país tiveram de encerrar por determinados períodos ou funcionaram com limitações, devido à dificuldade dos hospitais em completarem as escalas de serviço de médicos especialistas.

MPE (SMM) // HB

Lusa/Fim

+ notícias: País

Portugal proibido de pescar carapau

A frota portuguesa esgotou a quota de pesca de carapau, na zona do Golfo da Biscaia Meridional, ficando estas capturas proibidas a partir de segunda-feira, anunciou esta segunda-feira a Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM).

Campanha em 600 farmácias para utentes doarem o troco das suas compras e ajudarem quem mais precisa

A campanha “Dê troco a quem precisa” arranca esta segunda-feira em cerca de 600 farmácias de todo o país que vão “convidar os utentes” a doar o troco das suas compras para ajudar quem mais precisa a comprar medicamentos.

APAV ajudou oito crianças todos os dias durante os últimos dois anos

Mais de 5.660 crianças e jovens foram apoiados pela Associação Portuguesa de Apoio à Vitima (APAV) nos últimos dois anos, um valor que subiu 18,2% no ano passado, chegando a uma média de oito por dia.