Covid-19: Açores com 40 novos casos nas últimas 24 horas

| País
Porto Canal com Lusa

Ponta Delgada, Açores, 28 jan 2021 (Lusa) - Os Açores registaram, nas últimas 24 horas, 40 novos casos de covid-19, dos quais 37 em São Miguel, um no Faial e dois na Terceira, enquanto 57 pessoas recuperaram da doença, informou hoje a Autoridade de Saúde Regional.

No comunicado diário, a entidade explica que os novos casos foram detetados em 1.619 análises realizadas em laboratórios de referência da Região Autónoma dos Açores e em laboratórios privados.

Todas as 57 recuperações das últimas 24 horas ocorreram em São Miguel, a mais populosa dos Açores e onde há maior número de casos positivos ativos de covid-19.

Há atualmente 19 doentes internados com a doença, 18 dos quais no Hospital do Divino Espírito Santo em Ponta Delgada, onde há menos um doente na Unidade de Cuidados Intensivos (UCI), que tem agora um total de sete pacientes com covid-19.

Já na Terceira mantém-se internado um doente em UCI, no Hospital de Santo Espírito de Angra do Heroísmo.

Existem atualmente 483 casos positivos ativos, sendo 418 em São Miguel, 46 na Terceira, 15 no Faial, dois no Pico, um nas Flores e um no Corvo.

Foram detetados até hoje nos Açores 3.526 casos de infeção pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, que causa a doença covid-19, verificando-se 25 óbitos e 2.917 recuperações.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.176.000 mortos resultantes de mais de 100 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 11.305 pessoas dos 668.951 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

APE // MCL

Lusa/fim

+ notícias: País

Internamentos e óbitos causados pela gripe estão subnotificados

Os casos de internamentos por gripe em Portugal estão subnotificados, assim como as mortes causadas pela doença, segundo um estudo que analisou durante uma década o peso das hospitalizações e da mortalidade provocada pela gripe.

D. José Ornelas: "Os padres não são uma cambada de pedófilos"

D. José Ornelas garante que não protegeu nenhum abusador de crianças. O alegado encobrimento remete para um caso de 2011 de um alegado abuso de menores num orfanato, em Moçambique. A afirmação do bispo de Leiria-Fátima surge depois do Ministério Público ter confirmado que D. José Ornelas está a ser investigado.

Pilotos dizem que se TAP tem dinheiro para comprar BMW, tem dinheiro para repor condições laborais

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil sugeriu esta quarta-feira à TAP a mesma lógica de “gastar-mais, para poupar”, com que a companhia se defendeu sobre a renovação da frota automóvel corporativa, para a reposição das condições laborais dos trabalhadores.