Covid-19: Câmara de Coimbra cancela Feira Cultural

| País
Porto Canal com Lusa

Coimbra, 06 mai 2020 (Lusa) - A edição deste ano da Feira Cultural de Coimbra, que ia decorrer em junho, foi cancelada devido à pandemia da covid-19, regressando apenas em 2021, anunciou hoje a Câmara Municipal.

"Face ao atual contexto da pandemia da doença covid-19 e tendo em consideração as resoluções do Conselho de Ministros que definem uma estratégia de levantamento das medidas de confinamento, a Câmara Municipal de Coimbra entende que não estão reunidas as condições necessárias à realização, em junho de 2020, da sétima edição da Feira Cultural de Coimbra, que iria reunir mais de duas centenas de expositores e milhares de visitantes provenientes de todo o país", afirmou hoje a autarquia, em nota de imprensa enviada à agência Lusa.

Segundo a mesma nota, o evento regressa à programação cultural da cidade em junho de 2021.

De acordo com a autarquia, as ações que estavam programadas para este ano "serão todas reagendadas para 2021, designadamente as evocações ao centenário do nascimento de João José Cochofel, aos 50 anos do falecimento de José Régio e aos 25 anos do falecimento de Miguel Torga".

Para a próxima edição, a Feira Cultural de Coimbra vai decorrer na Praça da Canção, visto que o Parque Manuel Braga, local onde normalmente se realiza o certame, será alvo de uma empreitada de requalificação, avançou o município.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 257 mil mortos e infetou quase 3,7 milhões de pessoas em 195 países e territórios.

Mais de um 1,1 milhões de doentes foram considerados curados.

Em Portugal, morreram 1.089 pessoas das 26.182 confirmadas como infetadas, e há 2.076 casos recuperados, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

JGA // SSS

Lusa/Fim

+ notícias: País

Dois meses depois, gripe das aves volta a ser detetada em Portugal

A gripe das aves voltou a ser detetada em Portugal, numa exploração caseira de galinhas, perus e patos, em Beja, cerca de dois meses após o país estar livre deste vírus, foi anunciado esta sexta-feira.

Quase todas as turmas sem falta de professores, faltam preencher 2,3% dos horários

As turmas do próximo ano letivo têm praticamente todos os professores atribuídos, continuando por preencher apenas 2,3% dos horários, anunciou esta sexta-feira o ministro da Educação, que apontou a disciplina de Informática como a mais problemática.

Fogo na Serra da Estrela continua a mobilizar mais de 1.600 operacionais. 10 mil hectares já arderam

O incêndio rural que lavra desde sábado na serra da Estrela, na região Centro, continua a mobilizar esta sexta-feira de manhã mais de 1.600 operacionais, segundo informação da Proteção Civil.