Guerra na Ucrânia - Clique aqui e veja os pontos essenciais
Info

Covid-19: Autoridades moçambicanas encerram 90 estabelecimentos comerciais em 15 dias

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Maputo, 28 jul 2020 (Lusa) -- A Inspeção Nacional de Atividades Económicas (INAE) moçambicana encerrou 90 estabelecimentos comerciais em todo o país nas últimas duas semanas por violação do estado de emergência face à covid-19, disse hoje à Lusa fonte da instituição.

A INAE encerrou bares e 'barracas' (bancas informais) de venda de bebidas alcoólicas a funcionar clandestinamente, contrariando a ordem de encerramento em vigor desde 01 de abril.

"A maior parte das situações envolveu detenções porque são estabelecimentos que já tinham sido várias vezes fechados ou advertidos", disse Tomás Timba, porta-voz do INAE.

Segundo o organismo, o encerramento de bares, bancas de venda de álcool e outros espaços de diversão visa prevenir a aglomeração de pessoas sem observância de distanciamento físico.

"Por natureza, estes estabelecimentos deviam estar fechados. Acontece que eles vão funcionando clandestinamente em função da procura", acrescentou.

O país vive em estado de emergência desde 01 de abril, prorrogado por três vezes até final de julho para prevenir a covid-19.

Estão proibidos todo o tipo de eventos e de aglomerações, recomendando-se à população que fique em casa, se não tiver motivos essenciais para tratar.

Moçambique regista um total de 1.720 casos positivos de covid-19, 11 óbitos e 602 recuperados, indicam as autoridades de saúde.

LFO // VM

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Putin ameaça com ataques "relâmpago" em caso de intromissão estrangeira

O Presidente russo, Vladimir Putin, ameaçou hoje que responderá com um ataque "relâmpago" a qualquer ingerência estrangeira na Ucrânia, onde está há dois meses em curso uma guerra desencadeada pela invasão do exército russo.

Pelo menos nove civis mortos por bombardeamentos russos no leste e sul da Ucrânia

Pelo menos nove civis morreram hoje na sequência de bombardeamentos do exército russo no leste e sul da Ucrânia, anunciaram as autoridades locais. De acordo com informações do governador da região de Lugansk (leste da Ucrânia), Sergey Gadai, três civis morreram debaixo de escombros de um prédio atingido por um bombardeamento na cidade de Popasna, para onde tinham fugido a fim de, segundo a mesma fonte, "se proteger de mísseis russos".

Um outro bombardeamento, que atingiu a cidade de Kharkiv (também no leste), a segunda maior da Ucrânia, matou três pessoas e deixou sete feridas, duas delas com gravidade, anunciou o governador regional, Oleg Synegoubov, apelando aos moradores para terem "muito cuidado e, se possível, não saírem dos abrigos".

Outros dois civis foram mortos e seis ficaram feridos na região de Donetsk, segundo o governador, Pavlo Kyrylenko.

NATO: Exercícios militares programados nos países bálticos começaram hoje

Riga, 16 mai 2022 (Lusa) - A NATO iniciou hoje na Estónia um exercício militar com 15.000 soldados estónios e da Aliança, com o qual abre uma série de manobras na região do Báltico, planeada e agendada antes da invasão russa da Ucrânia.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS

N'Agenda

Festivais - Soam as guitarras