Info

José Sócrates vai votar sem escolta policial

José Sócrates vai votar sem escolta policial
| País
Porto Canal

A defesa de José Sócrates disse hoje à Lusa que o ex-primeiro ministro socialista vai votar no domingo "sem escolta policial".

A mesma fonte indicou que José Sócrates "vai obviamente votar, mas sem escolta policial", adiantando que "o juiz [do Tribunal Central de Instrução Criminal] em lado nenhum determinou que haveria lugar a escolta policial", para domingo o acompanhar até à secção de voto, em Lisboa.

José Sócrates foi detido a 21 de novembro de 2014, no aeroporto de Lisboa, indiciado pelos crimes de fraude fiscal qualificada, branqueamento de capitais e corrupção passiva para ato ilícito, tendo ficado preso preventivamente no Estabelecimento Prisional de Évora.

A medida de coação foi alterada para prisão domiciliária, com vigilância policial, a 04 de setembro.

+ notícias: País

Covid-19: Novo caso suspeito em Portugal proveniente de Milão

A Direção-Geral da Saúde (DGS) validou hoje um novo caso suspeito de infeção pelo Covid-19, tratando-se de um doente proveniente de Milão, encaminhando-o para o Hospital de São João, no Porto, um dos hospitais de referência para a doença.

Atualizado 24-02-2020 18:02

Covid-19: Ativados mais hospitais de referência em Lisboa, Porto e Coimbra

A Direção-Geral da Saúde (DGS) anunciou, esta segunda-feira, que ativou os hospitais de Santa Maria, S. José (Lisboa), Coimbra e Santo António (Porto) para validar casos suspeitos de infeção pelo novo coronavírus (Covid-19).

Covid-19: Caso suspeito no Porto deu negativo

O resultado da análise ao cidadão português que está internado no Hospital de São João, no Porto, por suspeitas de infeção por Coronavírus COVID-19 foi negativo, segundo uma nota da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.