O que faria com um dia extra? O ano bissexto pode ser a oportunidade

O que faria com um dia extra? O ano bissexto pode ser a oportunidade
| Mundo
Porto Canal

O ano de 2024 é bissexto, o que significa que tem mais um dia, totalizando 366 dias no ano. Este dia “extra” é atribuído ao mês de fevereiro, que conta assim com 29 dias.

As 24 horas adicionais podem ser consideradas como mais uma oportunidade para realizar tarefas pouco habituais, para enfrentar alguns receios ou até para descansar. Há também quem simplesmente siga a rotina do dia a dia e não sinta qualquer diferença ou faça planos especiais.

 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 

Uma publicação partilhada por Porto Canal (@porto.canal)

 

Sendo ou não uma oportunidade, 2024 tem efetivamente mais 24 horas, resultado do fenómeno de traslação do planeta Terra.

Se o fenómeno de rotação da Terra corresponde à sucessão de dias e noites, por um período de 24 horas, já a sucessão dos anos é atribuída à traslação do planeta, ou seja, ao tempo que o corpo celeste demora a fazer uma volta completa em torno do sol.

No total, a Terra demora 365,24 dias a fazer este percurso, o que faz com que a parte decimal seja adicionada ao ano seguinte. É por esse motivo que, de quatro em quatro anos, se tomou a decisão de adicionar um dia extra ao calendário.

O mês de fevereiro foi o escolhido por ser o mais pequeno, passando assim a ter 29 dias, a cada quatro anos, adotando o nome de ano bissexto.

+ notícias: Mundo

Israel ataca posição militar no sul da Síria

O Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH) indicou que Israel atacou esta sexta-feira uma posição militar no sul da Síria, no mesmo dia em que foram registadas explosões no centro do Irão.

Ex-membro da máfia de Nova Iorque escreve livro dirigido a empresários

Lisboa, 06 mai (Lusa) -- Louis Ferrante, ex-membro do clã Gambino de Nova Iorque, disse à Lusa que o sistema bancário é violento e que escreveu um livro para "aconselhar" os empresários a "aprenderem com a máfia" a fazerem negócios mais eficazes.

Secretário-geral das Nações Unidas visita Moçambique de 20 a 22 de maio

Maputo, 06 mai (Lusa) - O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, vai visitar Moçambique de 20 a 22 de maio, a primeira ao país desde que assumiu o cargo, em 2007, anunciou o representante do PNUD em Moçambique, Matthias Naab.