Fim dos exames nacionais no ensino secundário estará à vista?

Fim dos exames nacionais no ensino secundário estará à vista?
| País
Porto Canal

Ainda não está decidido o método de avaliação para o acesso ao ensino superior que irá vigorar nos próximos anos. Tal como noticia o jornal ‘Público’, para já, a única certeza é que a decisão final só deve ser conhecida na próxima semana, sendo que a obrigatoriedade de realização de exames nacionais para a conclusão do ensino secundário é o tema que está a gerar mais desacordo. Face a esta discórdia entre os ministros da Educação e Ensino Superior, a decisão final passará no “crivo pelo primeiro-ministro”.

No início do passado mês de janeiro, o Governo e parceiros do setor negociavam o novo modelo de acesso ao ensino superior que, supostamente, entrará em vigor já no início do próximo ano letivo e, ao que tudo indica, deverá incluir três exames nacionais, um deles a Português.

No entanto, ainda não há nenhuma certeza. A proposta por parte do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (MCTES) passa por aumentar o peso dos exames. As notas do secundário que até agora tinham um peso de 50% para o acesso ao ensino superior, passarão a ter um mínimo de 35%. Dessa forma, os exames nacionais contam com mais peso e contribuem para evitar a disparidade de notas que se tem verificado entre os estabelecimentos de ensino públicos e privados.

Nesse novo modelo, todos os alunos que queiram concorrer ao ensino superior terão de fazer três provas, uma delas a Português.

Para o Ministério da Educação, tutela de João Costa, o jornal ‘Público’ adianta que quis acabar com os exames nacionais obrigatórios, pois defendia introduzir “uma distinção entre o que é a certificação do ensino secundário e o acesso ao ensino superior”. Caso esta decisão siga em frente, Portugal será “um dos poucos países europeus sem uma avaliação nacional no fim desse ciclo”, explicou o jornal ‘Público’.

Recorde-se que nos anos anteriores à pandemia, era obrigatória a realização de quatro exames nacionais.

+ notícias: País

Perto de 250 salvamentos nas praias portuguesas nos últimos três dias

A Autoridade Marítima Nacional (AMN) fez um total de 249 salvamentos nas praias sob sua jurisdição entre sexta-feira e domingo, período em que se registou também o desaparecimento de três pessoas em contexto balnear, foi esta segunda-feira anunciado.

Nova taxa na fatura da eletricidade entra em vigor este mês

Na fatura de eletricidade relativa ao mês de abril os consumidores vão pagar uma nova taxa, avança o Expresso esta segunda-feira. A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) publicou o novo modelo de financiamento da tarifa social, em que esta taxa servirá para pagar parte da tarifa a quem ganha menos.

Receitas do alojamento turístico sobem 11% para 506,7 milhões de euros até fevereiro

Os proveitos totais do setor do alojamento turístico cresceram 11,2% e os relativos a aposento aumentaram 10,8% até fevereiro em termos homólogos, atingindo 506,7 milhões de euros e 367,5 milhões de euros, respetivamente, divulgou o INE.