Info

Câmara do Porto recomenda "legislação de exceção" para Ala Pediátrica do São João

| Norte
Porto Canal com Lusa

A Câmara do Porto aprovou esta terça-feira por unanimidade recomendar ao Governo e ao parlamento a aprovação de “legislação de exceção da contratação pública”, avançando com a nova Ala Pediátrica do Hospital de São João “com a máxima urgência.

Atualizado 14-11-2018 12:04

O presidente da Câmara, Rui Moreira, explicou que a intenção da moção, apresentada em conjunto pelo seu movimento independente - "Porto Nosso Partido” - e pelo PS, é “dar aconchego aos decisores políticos” para invocarem “a situação de emergência na contratação pública” no caso da construção daquela Ala Pediátrica.

O texto aprovado na reunião pública camarária recomenda “ao Governo e à Assembleia da República que promovam, com a máxima urgência, todas as medidas que se revelem necessárias, incluindo a eventual aprovação de legislação de exceção em matéria de contratação pública, que tornem possível o início da construção da nova Ala Pediátrica do Hospital de S. João, mantendo-a no Serviço Nacional de Saúde, com a celeridade que a gravidade da situação impõe”.

+ notícias: Norte

Uma família desalojada e nove casas atingidas com queda de grua no Porto

A grua que caiu hoje numa rua da cidade do Porto provocou o desalojamento de uma família e danos em nove casas, adiantou à Lusa fonte do Comando Distrital de Operação de Socorros (CDOS) do Porto.

Habitantes de Amarante e Celorico de Basto aliviados pela construção da barragem de Fridão não avançar

A EDP ameaça avançar sozinha para a construção da barragem de Fridão se o Governo não lhe devolver os 218 milhões de euros já investidos. É a resposta da elétrica ao anúncio do ministro Matos Fernandes, de cancelar a construção da barragem no rio Tâmega. Um anúncio que também fez reagir alguns autarcas que falam em ato criminoso e que ameaçam levar o Governo a tribunal.

Incêndio em stand na Trofa destrói 20 motos

Um incêndio num stand de motos, na freguesia de Bougado, na Trofa, distrito do Porto, destruiu hoje 20 motociclos que se encontravam na zona da oficina, disse à Agência Lusa fonte dos bombeiros locais.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS