Info

PS avança com proposta para acelerar obras na ala pediátrica do Hospital de São João

PS avança com proposta para acelerar obras na ala pediátrica do Hospital de São João
| Política
Porto Canal com Lusa

O PS anunciou hoje que apresentará uma proposta para acelerar as obras na ala pediátrica do Hospital de São João, no Porto, mediante recurso ao ajuste direto e dispensa de visto prévio do Tribunal de Contas.

A apresentação desta proposta foi transmitida aos jornalistas pelo líder do Grupo Parlamentar do PS, Carlos César, no final da reunião semanal da bancada socialista, ocasião em que aproveitou para adiantar que o PS irá entregar até sexta-feira "dezenas" de alterações ao Orçamento do Estado para 2019.

"O PS tomou a decisão de apresentar uma proposta para abreviar o início das obras do Centro Pediátrico do Hospital de São João, no Porto, mediante a autorização de um processo de ajuste direto e dispensa do visto prévio do Tribunal de Contas, sem prejuízo da fiscalização que nos termos legais em geral incumbe fazer", declarou o líder da bancada socialista.

Segundo Carlos César, se a proposta do PS for aprovada em sede de especialidade do Orçamento, "possibilita-se que o início das obras seja feito com a rapidez que se deseja" em relação àquela estrutura de saúde.

Interrogado se a bancada socialista apresentará uma proposta para aumentar a verba disponível para aumentos salariais na administração pública no próximo ano, Carlos César afastou essa possibilidade.

"Não faremos nenhuma proposta sobre essa matéria e, aliás, a questão está mais ou menos esclarecida na medida em que será objeto de negociação entre o Governo da República e as estruturas sindicais depois do período de aprovação do Orçamento do Estado", disse.

Carlos César acrescentou que a bancada socialista também não apresentará qualquer medida sobre taxa de proteção civil, matéria em que a proposta do Governo deverá ser chumbada pela conjugação de votos do PSD, CDS e Bloco de Esquerda.

+ notícias: Política

"O PS continua a ser muito permeável a conjunto de interesses"

Mariana Mortágua, deputada do Bloco de Esquerda, afirma que o Partido Socialista "continua a ser muito permeável a conjunto de interesses que sempre moldaram a atuação" dos socialista e que isso se reflete na hora de votar.

Mariana Mortágua defende que a Caixa Geral de Depósitos devia financiar setores estratégicos para o país

Mariana Mortágua, deputada do Bloco de Esquerda, afirma que o Governo, em coordenação com o Parlamento, deveria definir a estratégia de atividade da Caixa Geral de Depósitos para se "evitar financiar atividades especulativas de empresários aventureiros" e dar prioridade a financiar setores estratégicos para o país.

Ministra Marta Temido encabeça lista do PS pelo círculo de Coimbra

 A ministra da Saúde, Marta Temido, vai encabeçar a lista socialista pelo círculo eleitoral de Coimbra nas próximas eleições legislativas, disse à agência Lusa a secretária-geral adjunta do PS, Ana Catarina Mendes.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS