Info

Aprovado por unanimidade ajuste direto para ala pediátrica do São João

Aprovado por unanimidade ajuste direto para ala pediátrica do São João
| Norte
Porto Canal com Lusa

O parlamento aprovou esta terça-feira por unanimidade a proposta de alteração do PS ao Orçamento do Estado para 2019 (OE2019) que prevê a possibilidade de recurso ao ajuste direto para a construção do Centro Pediátrico do Centro Hospitalar Universitário de São João.

A proposta dos socialistas mereceu o voto favorável de todas as bancadas parlamentares. Já as iniciativas do CDS e do PSD sobre a mesma unidade hospitalar foram rejeitadas.

O documento do PS tem em vista "salvaguardar a célere construção das novas instalações do Centro Pediátrico do Centro Hospitalar Universitário de São João, E. P. E.".

A proposta prevê a possibilidade de recurso ao procedimento de ajuste direto "para efeitos da celebração dos contratos relativos à conceção, projeto e construção do Centro Pediátrico, considerando-se preenchidos os requisitos e condições exigidas para a adoção deste procedimento pré-contratual".

Estabelece ainda a não sujeição à fiscalização prévia do Tribunal de Contas, "produzindo todos os seus efeitos sem necessidade de obtenção do visto ou declaração de conformidade, sem prejuízo da sua sujeição à fiscalização concomitante nos termos legais".

+ notícias: Norte

ANA vai 'pagar' 15 milhões de euros por um 'remendo' no aeroporto Sá Carneiro

A ANA Aeroportos vai pagar 15 milhões de euros para fazer obras no aeroporto Francisco Sá Carneiro, do Porto, que não vão resolver na totalidade o problema da pista. O aeroporto é dos poucos na europa que não têm ligação direta do terminal ao final da pista e as obras só resolvem parte do problema, que limita o número de aterragens na pista.

Trânsito cortado por seis horas após camião capotar com material hospitalar na Maia

Um camião que transportava material hospitalar contaminado capotou esta terça-feira de manhã numa rotunda de acesso à A41 perto da zona industrial da Maia, no Porto, obrigando ao corte do trânsito durante quase seis horas e à limpeza da estrada.

Ministro do Ambiente esclarece que apesar das obras na Ponte D. Luís I vai ser possível transitar na mesma

O ministro do Ambiente já se manifestou sobre a questão da circulação na ponte D. Luís I e diz que apesar das obras vai ser possível transitar na ponte. Recorde-se que foi detetada uma avaria num dos aparelhos de dilatação da estrutura.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS