Ministério Público quer "nulidade do licenciamento" de prédio de luxo em cima das dunas

Ministério Público quer "nulidade do licenciamento" de prédio de luxo em cima das dunas
| Norte
Porto Canal

Em Mindelo, no concelho de Vila do Conde, está a ser construído um edifício habitacional a apenas 50 metros da zona dunar, em cima da faixa de proteção costeira.

A obra, que tinha sido chumbada pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA), foi licenciada pela Câmara de Vila do Conde, apesar de violar o atual Programa da Orla Costeira (POC) Caminha-Espinho.

Agora, “foi instaurada ação pelo MP em 23 de novembro, peticionando a nulidade do licenciamento em causa e a reposição da legalidade urbanística”, escreve o Jornal de Notícias esta quarta-feira, citando um ofício da Procuradora que foi enviado à Associação Amigos do Mindelo para a Defesa do Ambiente (AAMDA).

Como o Porto Canal noticiou, a Câmara de Vila do Conde mantém-se segura da decisão e escuda-se nos timings do licenciamento da obra. De acordo com a autarquia, “o empreendimento em causa não carecia, à data da aprovação da operação urbanística requerida, de um parecer prévio da Agência Portuguesa do Ambiente, dado estar fora da margem do mar”. A obra foi licenciada pelo município em abril de 2022.

A questão é que o parecer da APA já tinha sido emitido, em janeiro de 2021, e era negativo. Segundo a Agência Portuguesa do Ambiente, “verificou-se que o local de implantação da construção estava classificado pela planta de síntese do POC Caminha-Espinho como área de aplicação regulamentar dos Planos Municipais de Ordenamento do Território (PMOT) e zona de risco”.

Perante as incoerências da informação disponibilizada pelo município e pela APA, e numa tentativa de proteger a zona costeira, os moradores decidiram unir-se pela defesa da região, através da associação “Amigos de Mindelo”, que há vários anos luta pelos interesses da população.

 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 

Uma publicação partilhada por Porto Canal (@porto.canal)

+ notícias: Norte

Tempo vai mudar. Descida de temperatura e chuva de regresso

“Instabilidade meteorológica”. É assim que o Meteored, uma das maiores plataformas de informação meteorológica a nível mundial, define os próximos dias na região Norte, com episódios de chuva e variações de temperatura que vão marcar o arranque da época balnear.

Duas irmãs detidas por suspeitas de introduzirem droga na cadeia de Braga

A Polícia Judiciária (PJ) deteve duas irmãs suspeitas de introduzirem droga no Estabelecimento Prisional de Braga (EPB), durante as visitas aos seus companheiros, anunciou hoje aquela força.

Urgência de pediatria do hospital de Chaves fechada este fim-de-semana

O Ministério da Saúde publicou esta sexta-feira no portal do Serviço Nacional de Saúde o mapa das escalas de urgências até à próxima quinta-feira, que prevê o fecho de vários serviços em Lisboa e Vale do Tejo, Centro e Norte.