TAP multada em 50 mil euros por informação “não verdadeira” acerca de Alexandra Reis

TAP multada em 50 mil euros por informação “não verdadeira” acerca de Alexandra Reis
Foto: Pedro Benjamim | Porto Canal
| Economia
Porto Canal / Agências

A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) multou a TAP em 50.000 euros por informação “não verdadeira” sobre a saída da ex-administradora Alexandra Reis, de acordo com informação publicada esta quarta-feira no ‘site’ do regulador.

“A informação divulgada pela TAP no comunicado de 4 de fevereiro de 2022 não era verdadeira, porquanto era desconforme à realidade, uma vez que não referiu o acordo celebrado entre a TAP e Alexandra Reis e a vontade de ambas em terminar as relações contratuais existentes, na sequência de um processo negocial iniciado pela TAP, e não era clara, porquanto o uso da expressão ‘renúncia’ corresponde a um termo equívoco, que não permitiu aos destinatários da informação conhecer a realidade de forma imediata, designadamente a existência de um acordo celebrado entre a TAP e Alexandra Reis”, lê-se na nota publicada.

Desta forma, “deliberou o Conselho de Administração da CMVM aplicar à arguida [TAP] uma coima de 50.000,00 euros (cinquenta mil euros)”.

+ notícias: Economia

Há mudanças nas transferências bancárias a partir desta segunda-feira

As transferências bancárias entre contas portuguesas passam a ter, a partir desta segunda-feira, a confirmação prévia do beneficiário antes de ser dada a ordem final da transferência do dinheiro.

Bruxelas elogia cortes "permanentes de despesa" anunciados pelo Governo

A Comissão Europeia saudou hoje o facto de as medidas anunciadas pelo primeiro-ministro se basearem em "reduções permanentes de despesa" e destacou a importância de existir um "forte compromisso" do Governo na concretização do programa de ajustamento.

Bruxelas promete trabalhar "intensamente" para conluir 7.ª avaliação

Bruxelas, 06 mai (Lusa) -- A Comissão Europeia está empenhada em trabalhar "intensamente" para terminar a sétima avaliação à aplicação do programa de resgate português antes das reuniões do Eurogrupo e do Ecofin da próxima semana, mas não se compromete com uma data.