Câmara de Gaia aprova aumento do tarifário da água e saneamento para 2024

Câmara de Gaia aprova aumento do tarifário da água e saneamento para 2024
| Norte
Porto Canal/Agências

A Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia aprovou esta segunda-feira, com os votos contra do PSD, o aumento do tarifário da água e saneamento, a partir do segundo escalão, para 2024.

Na proposta, a que a Lusa teve acesso, a autarquia, liderada pelo socialista Eduardo Vítor Rodrigues, explicou que a atualização dos preços se deve à inflação.

“No que respeita aos serviços de abastecimento de água e saneamento o aumento que se propõe teve em conta a evolução de preços decorrentes da inflação, mas salvaguardando a acessibilidade económica dos utilizadores”, sustenta.

Assim, em 2024, o tarifário da água para consumos domésticos sofre alterações no segundo, terceiro e quarto escalão, sendo que quem está no primeiro escalão, o que significa que tem consumos até aos cinco metros cúbicos, vai continuar a pagar 0,60 euros por metro cúbico.

Com esta atualização, o metro cúbico do segundo escalão passa de 0,75 para 0,90 euros, no terceiro escalão o valor aumenta de 1,80 para 2,00 euros e no quarto escalão sobe de 2,00 para 2,10, refere a proposta.

O aumento dos preços da água também se fazem sentir para as tarifas especiais, nomeadamente as familiares e sociais.

“Com os tarifários propostos, os gaienses vão ter de suportar um aumento considerável da fatura mensal, sendo que as atualizações do preço da água e do saneamento são de valor muito superior ao valor da inflação, previsto para 2024, mesmo incorporando a correção necessária pelo facto de não ter havido atualização em 2023”, disse o vereador do PSD Rui Pereira Rocha na justificação do voto contra à proposta.

Falando num aumento de 20%, o social-democrata considerou que os gaienses vão ter de pagar uma fatura “demasiado onerosa em tempos muito difíceis”.

Além do acréscimo nos valores da água, o tarifário mensal de saneamento também regista um aumento quer para o segundo escalão, quer para as tarifas especiais.

O valor do primeiro escalão mantém-se nos 0,60 euros, passando a alteração pelos valores do segundo e terceiro escalão que aumentam de 0,75 para 0,90 euros e de 1,50 para 1,90 euros, respetivamente.

“Regista-se, aqui, também um acréscimo na mesma ordem de grandeza [da água], ou seja, de 20%”, frisou Rui Pereira Rocha.

+ notícias: Norte

Resgatado tripulante de embarcação de pesca que caiu à água ao largo de Aveiro

A Estação Salva-vidas de Aveiro resgatou na noite de quarta-feira um tripulante de uma embarcação de pesca que caiu à água a cerca de 22 quilómetros a noroeste da barra do porto de Aveiro, foi anunciado.

Unidade de saúde de Viseu abre concurso para 48 médicos recém-especialistas

A Unidade Local de Saúde (ULS) Viseu Dão-Lafões teve autorização para abrir concurso para 48 médicos recém-especialistas, entre os quais três pediatras.

Há 400 presépios para ver em Barcelos

Em Barcelos desde o início deste mês que estão em exposição em vários espaços mais de 400 presépios de artesãos do concelho. Uma óptima oportunidade para conhecer mais e melhor do artesanato barcelense.