Tribunal esclarece que providência cautelar não impede trasladação de Eça para Lisboa

Tribunal esclarece que providência cautelar não impede trasladação de Eça para Lisboa
| Norte
Porto Canal

O Supremo Tribunal Administrativo esclareceu esta quinta-feira que aceitou o pedido de providência cautelar de familiares de Eça de Queiroz, mas que ainda não houve qualquer decisão que impeça a trasladação dos restos mortais do escritor para Lisboa.

Segundo fonte daquele tribunal ouvida pela Lusa, o pedido de providência cautelar deu entrada na quarta-feira, tendo sido já citado o presidente da Assembleia da República para se pronunciar, no exercício do contraditório.

Este esclarecimento do STJ contraria a informação que foi prestada à Lusa por António Fonseca, ex-presidente da Junta de Freguesia de Santa Cruz do Douro, localidade onde está sepultado o escritor desde 1989.

Segundo António Fonseca, aquele tribunal superior tinha suspendido todos os atos relacionados com a trasladação dos restos mortais de Eça de Queiroz para o Panteão Nacional, no âmbito de da referida providência cautelar que foi interposta por familiares do escritor.

A resolução que concede honras de Panteão Nacional a Eça de Queiroz, uma iniciativa da fundação que evoca o autor, impulsionada pelo grupo parlamentar do PS, foi aprovada, por unanimidade, em plenário, no dia 15 de janeiro de 2021.

A cerimónia oficial de trasladação está marcada para quarta-feira, dia 27.

+ notícias: Norte

Resgatado tripulante de embarcação de pesca que caiu à água ao largo de Aveiro

A Estação Salva-vidas de Aveiro resgatou na noite de quarta-feira um tripulante de uma embarcação de pesca que caiu à água a cerca de 22 quilómetros a noroeste da barra do porto de Aveiro, foi anunciado.

Unidade de saúde de Viseu abre concurso para 48 médicos recém-especialistas

A Unidade Local de Saúde (ULS) Viseu Dão-Lafões teve autorização para abrir concurso para 48 médicos recém-especialistas, entre os quais três pediatras.

Há 400 presépios para ver em Barcelos

Em Barcelos desde o início deste mês que estão em exposição em vários espaços mais de 400 presépios de artesãos do concelho. Uma óptima oportunidade para conhecer mais e melhor do artesanato barcelense.