Corpos de dois alegados extraterrestres apresentados no Parlamento do México

Corpos de dois alegados extraterrestres apresentados no Parlamento do México
| Mundo
Porto Canal/Agências

Dois alegados corpos de extraterrestres foram apresentados no Parlamento do México por um autoproclamado e controverso especialista, que pede o reconhecimento de vida extraterrestre no país pelos deputados.

Os dois pequenos sarcófagos contendo os fósseis das criaturas antropomórficas foram apresentados aos deputados esta terça-feira por Jaime Maussan, autoproclamado jornalista especialista em estudo de objetos voadores não identificados (OVNI) e fenómenos aeroespaciais.

“São seres não humanos, que não fazem parte da nossa evolução terrestre”, salientou este autoproclamado especialista, durante uma sessão organizada por um deputado, Sergio Gutiérrez, em nome do “interesse público”.

As múmias encontradas no Peru têm “cerca de 1.000 anos”, garantiu, citando análises de carbono 14 da Universidade Autónoma do México (UNAM).

Estas múmias “são uma criação denunciada há anos”, referiu, por sua vez, a edição francesa do Huffington Post, recordando as polémicas em torno do documentário “Unearthing Nazca”, em 2017.

Uma das múmias "foi avaliada por um antropólogo” a “as suas conclusões foram claras: a múmia em questão é um conjunto de diferentes restos humanos mumificados", acrescentou o Huffington Post.

“Receber Jaime Maussan na Câmara dos Deputados mostra o desprezo deste país pela ciência”, frisou, por sua vez, um internauta mexicano. Outros ridicularizaram a audiência, apelando a que Maussan se tornasse o “presidente das relações intergalácticas”.

Em 26 de julho, um antigo elemento dos serviços de informação da Força Aérea dos EUA, referiu perante um comité do Congresso norte-americano que as autoridades estavam escondendo evidências da existência de extraterrestres.

David Grusch assegurou que estava absolutamente convencido de que os Estados Unidos estavam na posse de um OVNI e até mesmo dos restos mortais dos seus operadores.

A NASA pediu recentemente mais condições para estudar cientificamente esses OVNI, assim como o Pentágono, que está preocupado com possíveis atividades de espionagem chinesas.

Em 20 anos, as autoridades mexicanas receberam 1.011 pedidos de informação de cidadãos sobre estas manifestações paranormais, revelou um responsável do Instituto Nacional de Acesso à Informação e de Proteção de Dados Pessoais (INAI).

 

+ notícias: Mundo

Líderes do G7 condenam unanimemente "ataque sem precedentes" do Irão a Israel

Os líderes do G7, o grupo dos países mais ricos do mundo, “condenaram unanimemente o ataque sem precedentes do Irão a Israel”, afirmou este domingo o presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, no final da reunião.

Ex-membro da máfia de Nova Iorque escreve livro dirigido a empresários

Lisboa, 06 mai (Lusa) -- Louis Ferrante, ex-membro do clã Gambino de Nova Iorque, disse à Lusa que o sistema bancário é violento e que escreveu um livro para "aconselhar" os empresários a "aprenderem com a máfia" a fazerem negócios mais eficazes.

Secretário-geral das Nações Unidas visita Moçambique de 20 a 22 de maio

Maputo, 06 mai (Lusa) - O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, vai visitar Moçambique de 20 a 22 de maio, a primeira ao país desde que assumiu o cargo, em 2007, anunciou o representante do PNUD em Moçambique, Matthias Naab.