Luís Filipe Vieira acusa Rui Pinto de impedir ‘penta’ ao “exfiltrar” Benfica e exige 31 mil euros de indemnização

Luís Filipe Vieira acusa Rui Pinto de impedir ‘penta’ ao “exfiltrar” Benfica e exige 31 mil euros de indemnização
| Desporto
Porto Canal

O ex-presidente do Benfica Luís Filipe Vieira culpa o denunciante Rui Pinto de ter contribuído para que o clube encarnado falhasse o pentacampeonato na época desportiva 2017/2018. No novo processo do Ministério Público (MP) a que o jornal PÚBLICO teve acesso, o antigo dirigente lisboeta exige ainda 31 mil euros de indemnização.

No processo que o MP tem agora em mãos que opõe Vieira a Rui Pinto, o ex-presidente benfiquista acusa o criador do site Football Leaks de devassa do sistema informático do clube da Luz e da entrega de conteúdo secreto ao diretor de comunicação do Futebol Clube do Porto, Francisco J. Marques. Adicionalmente, Rui Pinto é acusado de acesso indevido à caixa de emails de magistrados, funcionários de tribunais e jornalistas, num total de 377 crimes.

Segundo o processo, Luís Filipe Vieira diz que a informação “exfiltrada” por Rui Pinto lançou suspeitas de práticas ilícitas na gestão do Benfica, o que terá contribuído para que os encarnados perdessem a disputa do campeonato 2017/2018 para o FC Porto, o que na altura teria sido a celebração do “penta”.

“Levaram a equipa sénior de futebol profissional a interromper uma série de quatro anos consecutivos de vitórias no Campeonato Nacional de Futebol, com as inerentes consequências para toda a estrutura, nomeadamente o seu presidente”, lê-se no pedido de indemnização obtido pelo PÚBLICO. “Foi o início do fim da era Vieira no Sport Lisboa e Benfica.”

Vieira numa “profunda tristeza” e com dificuldades em adormecer

Luís Filipe Vieira revela ainda que a alegada “invasão” dos seus documentos por Rui Pinto provocou “uma profunda tristeza”, e que viveu “um período dramático” no Benfica por não ter “ânimo ou disponibilidade mental” para gerir o clube.

Por fim, o ex-presidente do Benfica revela que teve dificuldades “em adormecer ou dormir uma noite completa” durante este período, porque se sentia “profundamente triste e desacreditado”.

Luís Filipe Vieira foi detido a 7 de julho de 2021, durante a investigação Cartão Vermelho. Indiciado por abuso de confiança, burla qualificada, falsificação de documentos, branqueamento de capitais, fraude fiscal e abuso de informação, o ex-presidente é acusado pelo Ministério Público de "negócios e financiamentos em montante total superior a 100 milhões de euros, que poderão ter acarretado elevados prejuízos para o Estado e para algumas das sociedades"

+ notícias: Desporto

FC Porto (Voleibol): Fim de semana fechado com chave de ouro. Crónica de jogo

O FC Porto bateu neste domingo o Leixões (3-0), no Centro de Desportos e Congressos de Matosinhos, com os parciais de 15-25, 23-25 e 17-25, em jogo da 12.ª jornada da Série A da 2.ª fase do Campeonato Nacional da 1.ª Divisão, completando assim um fim de semana 100% vitorioso. Com duas rondas por disputar, as tricampeãs nacionais continuam a ser líderes isoladas, enquanto o Porto Vólei mantém a segunda posição.

FC Porto: Guarda-redes entram em campo para aquecer

Os guarda-redes Diogo Costa, Cláudio Ramos e Samuel Portugal já estão no relvado no Estádio do Dragão para aquecer para o Clássico desta noite frente ao Benfica, numa partida a contar para a 24.ª jornada do campeonato.

FC Porto: 'Azuis e brancos' aquecem no relvado do Dragão 

O plantel 'azul e branco' já está em campo, no relvado do Estádio do Dragão, para aquecer, tendo em vista o clássico referente à jornada 24 da I Liga, frente ao Benfica. A partida tem início às 20h30.