Porto vai ter mais ruas com acesso condicionado a automóveis

Porto vai ter mais ruas com acesso condicionado a automóveis
Foto: Pedro Benjamim | Porto Canal
| Porto
Ana Francisca Gomes

O executivo municipal aprovou por maioria, na reunião desta segunda-feira, a aquisição de serviços para a manutenção do sistema de gestão das Zonas de Acesso Automóvel Condicionado (ZAAC) existentes. Mas vão ser criadas novas zonas.

Depois de o contrato de prestação deste serviço ter terminado a 15 de novembro, a autarquia liderada por Rui Moreira vai investir 1,8 milhões de euros para não só garantir que continuam a haver zonas na cidade onde o acesso dos carros está condicionado, mas também para expandir esta rede.

Na prática vão ser criadas 10 novas zonas. Tal como atualmente não se pode, por exemplo, circular livremente de carro na Rua das Flores, o mesmo vai passar a acontecer em ruas nas zonas da Miguel Bombarda, Vitória/Flores, Largo de S. Domingos, Carmelitas, Sé/Rua Escura/Mercadores, Batalha, Alfândega, Alexandre Braga, Loureiro/Cativo, Largo Tito Fontes e Bonjardim/Guedes Azevedo.

A proposta, assinada pelo vereador do Urbanismo e Espaço Público Pedro Baganha, é justificada pela “necessidade imperiosa de proteção de zonas pedonais de elevado interesse cultural e económico do acesso automóvel indevido e combate ao estacionamento ilegal, bem como manter a segurança de pessoas que circulam a pé”.

Os vereadores eleitos pela CDU e pelo Bloco de Esquerda, Ilda Figueiredo e Sérgio Aires, abstiveram-se por “questões técnicas”.

+ notícias: Porto

Condutor confunde escadas do metro na Casa da Música com estacionamento

Um condutor desceu as escadas de acesso à estação de metro da Casa da Música, por lapso, este sábado à tarde.

Incêndio em colégio no Porto já está extinto

O incêndio que deflagrou ao início da tarde de deste domingo no Colégio Flori, no Porto, "já está extinto" e em fase de rescaldo e ventilação, adiantaram ao Porto Canal as autoridades.

Last Folio: as duras memórias do Holocausto 

O Museu e Igreja da Misericórdia do Porto acolhem a exposição internacional LAST FOLIO acompanhada por um documentário, que mostra as memórias do Holocausto. A exposição do fotógrafo Yuri Dojc e da cineasta Katya Krausova, pode ser visitada até novembro.