FC Porto: O Dragão tinha saudades de noites assim. Crónica do jogo

FC Porto: O Dragão tinha saudades de noites assim. Crónica do jogo
| Desporto
Porto Canal com fcporto.pt

O FC Porto regressou às vitórias ao bater nesta sexta-feira o SC Braga (4-1), no Estádio do Dragão, em partida a contar para a 8.ª jornada da Liga. Evanilson (32m), Eustaquio (34m), Pepê (63m) e Galeno (90m+6) foram os marcadores de serviço nos campeões nacionais, que seguem na segunda posição tabela, com 19 pontos, menos dois do que o Benfica, que tem menos um jogo disputado.

Com Pepe, Wendell e Bruno Costa a surgirem como as novidades no onze azul e branco, o FC Porto entrou de forma autoritária e claramente disposto a marcar cedo, mas não foi fácil desmontar a organização defensiva do SC Braga. Evanilson deu o primeiro aviso após um livre cobrado por Bruno Costa ao cabecear por cima (6m), mas não desperdiçaria a oportunidade seguinte. Num magnífico desenho coletivo dos campeões nacionais, Eustaquio aproveitou um lance confuso na área bracarense para oferecer a glória a Evanilson, que se limitou a encostar de peito já quase sobre a linha de golo (32m).

Ainda o Mar Azul saboreava o 1-0 quando o FC Porto aumentou a vantagem: Mehdi Taremi isolou Pepê e o extremo brasileiro, com todo o altruísmo do mundo, ofereceu o 2-0 de bandeja a Stephen Eustaquio, que assim se estreou a marcar de Dragão ao peito (34m).

A reação do SC Braga seria esboçada já perto do intervalo, mas Iuri Medeiros não conseguiu capitalizar uma falha de comunicação na defesa portista que deixou a baliza de Diogo Costa deserta (43m). Ainda antes de Artur Soares Dias apitar para o descanso, Bruno Costa teve o 3-0 no pé esquerdo após uma grande jogada de Rodrigo Conceição e Mehdi Taremi, mas o remate do médio português foi defendido por Matheus (45m).

A etapa complementar arrancou com um remate fortíssimo de Ricardo Horta aos ferros da baliza de Diogo Costa (53m), que pouco depois nada pôde fazer para evitar o autogolo de Pepe num lance de grande infortúnio para o capitão portista (55m). A redução da diferença deu moral ao SC Braga, mas o entusiasmo minhoto seria resfriado pelo génio de Mehdi Taremi: já em plena área bracarense, o avançado iraniano fez um túnel a um adversário antes de assistir Pepê com a inteligência que o caracteriza, convidando literalmente o companheiro a fazer o 3-1 (63m).

Até ao apito final de Artur Soares Dias, destaque para o cartão vermelho direto mostrado a Matheus por ter derrubado Mehdi Taremi quando este ficaria isolado com a baliza escancarada (84m) e para o golo de Galeno já em período de compensação que estabeleceu o 4-1 final no Estádio do Dragão.

+ notícias: Desporto

Danny Namaso: “Tenho sempre a ambição de marcar para ajudar a equipa”

Após o apito final em Chaves, Danny Namaso, autor dos dois golos com que o FC Porto venceu (2-0) na 2.ª jornada do grupo A da Taça da Liga, mostrou-se “muito feliz, principalmente pela vitória” e por ter podido “ajudar a equipa”, algo que tem “sempre a ambição” de fazer.

FC Porto: Danny Namaso, o dono das Chaves. Crónica de jogo

O FC Porto é líder isolado do Grupo A da Taça da Liga depois de vencer em casa do Chaves, por 2-0, em partida referente à 2.ª jornada, com um bis de Danny Namaso (55m e 59m). Com uma ronda por disputar, o FC Porto soma quatro pontos, mais dois que Mafra e Vizela e mais um do que os flavienses.

A homenagem dos Sub-19 do Tondela a Fernando Gomes, bibota de ouro

A equipa de sub-19 do CD Tondela homenageou, esta quinta-feira, Fernando Gomes, melhor marcador da história do FC Porto e “bibota” de ouro, antes da partida com os 'azuis e brancos' com a oferta de uma camisola personalizada com o nome do antigo atleta. O momento foi assinalado nas redes sociais dos 'Dragões'.