“Carlos, estás à escuta?” Presidente do SIRESP chamou comunicação social para provar que sistema não falha. Sistema falhou

“Carlos, estás à escuta?” Presidente do SIRESP chamou comunicação social para provar que sistema não falha. Sistema falhou
| País
Porto Canal

A comunicação social foi convidada pelo presidente do Sistema Integrado de Redes de Emergência e Segurança de Portugal (SIRESP) para uma demonstração de eficácia. Mas, num edifício no centro de Lisboa, separados por 10 pisos, os técnicos do SIRESP não conseguiram entrar em contacto durante 7 minutos. “No terreno é diferente”, garante o diretor técnico Carlos Leitão.

A ideia original dos administradores do SIRESP era assumir a utilidade e segurança do sistema, depois de várias críticas por parte de políticos, corporações de bombeiros e membros da Proteção Civil. No início da semana, o presidente do SIRESP, Paulo Viegas Nunes, garantia que a rede “não tem falhas na sua construção” nem rejeita chamadas, e nem falhou nos incêndios deste ano, mas queria uma prova para dar aos jornalistas.

Chegados à demonstração, esta terça-feira, nem tudo correu como previsto. Num edifício no centro de Lisboa, separados por 10 pisos de cimento, dois técnicos tentaram entrar em contacto. O sistema falhou ao longo de sete minutos.

“Carlos, estás à escuta?”, perguntava o tenente-coronel Vítor Custódio. Carlos Leitão respondia, mas a voz não chegou ao outro lado. “"Não estás cá", assumiu o diretor técnico. “No terreno é diferente”, atirou.

"Funciona. Há necessidade, muitas vezes, de posicionar os terminais. Como vimos, estamos aqui a falar de 11 andares de distância, num prédio que ganhou o prémio Secil. Portanto, cimento existe aqui à volta."

Estes rádios utilizados pela Proteção Civil, Bombeiros e outras autoridades funcionam com vários modelos. Podem fazer uma ligação direta através de rede, como se fosse um telemóvel, podem ser autênticos rádios, utilizando uma frequência.

A rede SIRESP tem mais de 550 antenas fixas espalhadas pelo território nacional. Essas redes são a garantia de que os rádios do sistema podem comunicar entre si, sem constrangimentos geográficos e independentemente da distância a que se encontrem. Com exceções de terrenos mais acidentados, distâncias superiores a 20km ou locais em que as antenas SIRESP tenham sido destruídas pelo fogo.

Atualizado 17-08-2022 09:59

 

+ notícias: País

Marinha alerta para agitação marítima no continente entre quinta-feira e sábado

A Marinha e a Autoridade Marítima Nacional alertam esta quarta-feira para o “agravamento considerável” das condições meteorológicas e de agitação marítima em Portugal continental entre as 06h de quinta-feira e o meio-dia de sábado.

TAP: Comissão de inquérito quer fazer 60 audições que começam na próxima semana

A comissão de inquérito à TAP vai ouvir 60 personalidades e as audições começam na próxima semana, estando entre as seis primeiras a IGF, a ex-administradora Alexandra Reis, a presidente executiva e o presidente do Conselho de Administração.

Dadores alertam que diariamente são necessárias mais de mil unidades de sangue

Todos os dias são necessárias entre 1.000 a 1.100 unidades de sangue, afirmou esta quarta-feira a Federação Portuguesa de Dadores Benévolos de Sangue (Fepodabes), alertando para a urgência de dádivas mais regulares.