Fenprof exige vacinação de reforço para o Ensino Superior

Fenprof exige vacinação de reforço para o Ensino Superior
| País
Porto Canal com Lusa

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) exigiu hoje que os docentes do Ensino Superior sejam abrangidos pela dose de reforço de vacina contra a covid-19, conforme decorre para os outros níveis de escolaridade.

“Verifica-se que os professores do Ensino Superior foram excluídos desta fase de vacinação, apesar de pertencerem a um nível de ensino em que, por norma, as turmas têm um número elevado de alunos”, contestou, em comunicado, a estrutura sindical.

De acordo com a Fenprof, apesar de a plataforma para obter a senha digital de vacinação não discriminar o nível de ensino, quando se dirigem aos centros de vacinação ou pedem esclarecimentos a este respeito, nas instituições de origem ou junto das autoridades de saúde, “os docentes do ensino superior são informados de que a vacinação prioritária não os contempla, sendo-lhes negada a dose de reforço da vacina”.

No documento, a Fenprof rejeitou que se discriminem os docentes de qualquer nível ou grau de ensino e reclamou “a correção” da situação, por forma a garantir a estes profissionais “o mesmo grau de segurança que é oferecido aos restantes docentes”.

+ notícias: País

Euromilhões. Segundo prémio a caminho de Portugal

Há um apostador sortudo em Portugal que acertou cinco números e uma estrela no Euromilhões, garantindo assim o segundo prémio, que ascende a 250 mil euros, segundo a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.

Ameaça ligada à extrema-direita em Portugal aumentou em 2023 

Portugal registou em 2023 um agravamento da ameaça ligada aos extremismos políticos, sobretudo de extrema-direita, com a retoma da atividade de organizações neonazis e identitárias, indica o Relatório Anual de Segurança Interna (RASI).

Terça-feira de sorte grande? Confira a chave do Euromilhões

Já são conhecidos os números e as estrelas que compõem a combinação vencedora do sorteio do Euromilhões desta terça-feira.