1924-2017: Morreu o combatente da liberdade. Morreu Mário Soares

1924-2017: Morreu o combatente da liberdade. Morreu Mário Soares
© ps
| País
Porto Canal com Lusa

O antigo Presidente da República Mário Soares morreu hoje aos 92 anos, disse à agência Lusa fonte do Hospital da Cruz Vermelha.

Mário Soares encontrava-se internado desde o dia 13 de dezembro, tendo sido transferido no dia 22 dos Cuidados Intensivos para a "unidade de internamento em regime reservado" do Hospital da Cruz Vermelha, depois de sinais de melhoria do estado de saúde.

No entanto, no dia 24, um agravamento súbito da situação clínica obrigou ao regresso do antigo chefe de Estado à Unidade dos Cuidados Intensivos.

No dia 31 de dezembro, dia da última atualização feita pelo hospital sobre o seu estado de saúde, Mário Soares continuava em "coma profundo", mas "estável e com parâmetros vitais normais".

Mário Soares, que morreu hoje aos 92 anos, desempenhou os mais altos cargos no país e a sua vida confunde-se com a própria história da democracia portuguesa: combateu a ditadura, foi fundador do PS e Presidente da República.

Nascido a 07 de dezembro de 1924, em Lisboa, Mário Alberto Nobre Lopes Soares foi fundador e primeiro líder do PS, e ministro dos Negócios Estrangeiros após a revolução do 25 de Abril de 1974

Primeiro-ministro entre 1976 e 1978 e entre 1983 e 1985, foi Soares a pedir a adesão à então Comunidade Económica Europeia (CEE), em 1977, e a assinar o respetivo tratado, em 1985. Em 1986, ganhou as eleições presidenciais e foi Presidente da República durante dois mandatos, até 1996.

+ notícias: País

INEM anuncia reforço de ambulâncias. Técnicos desconfiam

O INEM anunciou, este domingo, um reforço do dispositivo de emergência para esta época de outono/inverno com mais 37 meios com recurso a ambulâncias da Cruz Vermelha e de corporações de bombeiros de diferentes pontos do país. O Sindicato dos Técnicos de Emergência Pré-Hospital afirma que este anúncio é apenas uma "estratégia de marketing do INEM", uma vez que os meios anunciados são os já existentes.

Alto Comissariado para as Migrações procura solução para timorenses despejados por circo em Matosinhos

Nove timorenses acusam o circo Soledad Cardinali, instalado em Matosinhos, de exploração laboral. Os trabalhadores imigrantes foram despejados ao início da tarde deste domingo e aguardam agora uma solução de alojamento.

Matosinhos: Nove trabalhadores imigrantes acusam circo de exploração laboral. Organização nega

Nove trabalhadores naturais de Timor-Leste acusam o circo Soledad Cardinali, instalado em Matosinhos, de não dispor de condições de acolhimento dignas e de não pagar salários. Os funcionários chamaram a Polícia de Segurança Publica (PSP) ao início da tarde deste domingo e apresentaram queixa.