Info

Covid-19: Rússia suspende voos internacionais a partir de sexta-feira

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Moscovo, 26 mar 2020 (Lusa) - A Rússia vai suspender todos os voos internacionais a partir das 00:00 de sexta-feira (21:00 de hoje em Lisboa) de acordo com um decreto governamental sobre novas medidas de contenção da pandemia Covid-19.

O decreto aplica-se a todos os voos de entrada e saída do território russo, exceto os aparelhos fretados e que realizam ligações especiais de repatriamento de cidadãos russos no estrangeiro.

Até ao momento a Rússia já tinha reduzido de forma gradual as ligações aéreas internacionais.

O balanço oficial de Moscovo indica que no país 658 pessoas estão infetadas com o novo coronavírus e que dois pacientes morreram da doença, um deles tinha 73 anos e o outro 88 anos de idade.

O mesmo decreto publicado hoje faz entrar em vigor uma série de medidas anunciadas nos últimos dias, nomeadamente o encerramento de locais públicos. 

O presidente russo, Vladimir Putin, num raro discurso transmitido na quarta-feira pela televisão, decretou uma licença de trabalho com o prazo de uma semana, por causa da pandemia, e anunciou o processo de adiamento da revisão da constituição.

 

PSP // SB

Lusa/fim

+ notícias: Mundo

Covid-19: Erro de fabrico levanta questões sobre testes com vacina da AstraZeneca/Oxford

A AstraZeneca e a Universidade de Oxford reconheceram hoje um erro de fabrico que está a levantar questões sobre os resultados preliminares e a eficácia da sua vacina experimental contra a covid-19.

Covid-19: Rússia anuncia eficácia de 95% da vacina Sputnik V

A Rússia anunciou hoje que sua vacina Sputnik V contra a covid-19, desenvolvida pelo Centro Nacional de Epidemiologia e Microbiologia Gamaleya em Moscovo, tem uma eficácia de 95% eficaz, segundo resultados preliminares.

Entidade europeia alerta que países que retirem medidas do Covid-19 para o Natal terão aumento de internamentos em janeiro

O Centro Europeu de Controlo de Doenças estima que se os países que em outubro e novembro tomaram novas medidas para controlar a pandemia as levantassem a 21 de dezembro, os internamentos hospitalares aumentariam na primeira semana de janeiro.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS

N'Agenda

Exposição 'A Arte do Falso'

D'Mais

Upcycling Project - suporte para facas