Info

Ensaísta Delfim Sardo na administração do Centro Cultural de Belém

| País
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 23 jan 2020 (Lusa) - O curador e ensaísta Delfim Sardo vai entrar no conselho de administração do Centro Cultural de Belém (CCB), em Lisboa, no cargo anteriormente ocupado por Miguel Honrado, revelou hoje o Ministério da Cultura.

Delfim Sardo, até aqui assessor da Culturgest para as Artes Visuais, sob a direção de Mark Deputter, ficará no CCB com o pelouro da programação e da comunicação e deve iniciar funções no próximo dia 01 de março.

Nascido em Aveiro, Delfim Sardo, 58 anos, é curador de arte contemporânea desde 1990.

Dirigiu o Centro de Exposições do Centro Cultural de Belém, em Lisboa, entre 2003 e 2006, e assumiu o lugar na Culturgest, em Lisboa, por convite do anterior administrador Miguel Lobo Antunes, em 2016.

Professor convidado do Colégio das Artes e da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, foi fundador e diretor da revista Pangloss, entre 1997 e 2003, consultor da Fundação Calouste Gulbenkian, em 1999, comissário da representação portuguesa da 48.ª Bienal de Veneza e, em 2010, cocomissário da representação portuguesa na Bienal de Veneza de Arquitetura.

SS/MAG(AG) // MAG

Lusa/fim

+ notícias: País

Covid-19: Novo caso suspeito de infeção em Portugal

Uma mulher proveniente de Milão, na Itália, foi hoje encaminhada para o Hospital de S. João, no Porto, por suspeita de infeção por novo Coronavírus, anunciou a Direção-Geral da Saúde.

Covid-19: Médicos denunciam, nas redes sociais, casos suspeitos que não são analisados pela DGS

O Porto Canal apurou que há casos suspeitos de Covid-19 que não são analisados pela Direção Geral de Saúde. A denuncia parte dos próprios médicos nas redes sociais.

GNR desmantela esquema europeu de fraude no IVA com carros usados

A GNR anunciou hoje que desmantelou um esquema europeu de fraude ao IVA de carros usados, tendo já sido detidas, até ao momento, 10 pessoas em Portugal, e quatro na Alemanha e Reino Unido.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.