Jornal Diário Jornal das 13

"Queremos fazer melhor do que na época passada"

| FC Porto
Porto Canal com fcporto.pt

Sérgio Conceição falou nesta quinta-feira ao Porto Canal sobre a receção ao Desportivo de Chaves. O FC Porto joga no Estádio do Dragão frente à equipa flaviense na 1.ª jornada do Grupo C da Taça da Liga.

O FC Porto regressa à competição depois da pausa para os compromissos das seleções nacionais. A formação portista recebe o Desportivo de Chaves na sexta-feira (20h30) e visita o Schalke 04 na próxima terça-feira (20h00), no arranque da fase de grupos da Liga dos Campeões. Sérgio Conceição, porém, quer que a sua equipa esteja plenamente concentrada no jogo da Taça da Liga.

Antevisão completa:

__________

A preparação possível
“Preparar este jogo não foi fácil porque tivemos muita gente nas seleções. Ainda hoje, véspera do jogo, chegaram cinco jogadores. Não tivemos centrais até hoje e ainda hoje não pudemos contar com eles, porque fizeram treino de recuperação. De qualquer forma, preparámos o jogo dentro do possível, com estes jogadores que já estão perfeitamente identificados com a forma de trabalhar e com a forma da equipa se apresentar em campo.”

Fazer melhor é chegar à final
“Vamos iniciar um ciclo de seis jogos em 24 dias e vamos iniciar esta competição com o intuito de fazer melhor do que no ano passado, e fazer melhor do que no ano passado é chegar à final. Estivemos muito perto no ano passado e acho que não foi merecida a nossa eliminação na meia-final. Espero sinceramente que este ano seja diferente e ser diferente é estar no FC Porto e lutar sempre para chegar o mais longe possível, e chegar o mais longe possível nas provas internas será a conquista de títulos.”

Sobre o jogo com o Chaves na Liga
“São sempre jogos diferentes, cada jogo tem a sua história e a sua vida própria. Alguns jogadores também serão com certeza diferentes, pelas lesões e pelas ausências. Estamos a falar de alguns jogadores que estiveram ao serviço das suas seleções, o cansaço e o tempo de preparação para este jogo não é o melhor. Mas acho que o espírito, a ambição e tudo aquilo que é representar este clube, em todos os momentos, seja num jogo oficial seja nos treinos, é sempre estar no limite e no máximo.”

Oportunidade para fazer melhor que ontem
“Eu vejo cada dia, cada jogo, cada momento aqui como uma oportunidade para fazer melhor que ontem. Vamos com certeza dar uma resposta amanhã. Já sei que vamos ter uma casa bem composta e a melhor forma de agradecer não é com palavras, é com vitórias e com prestações condizentes com a grandeza deste clube. Esperemos que assim aconteça para agradecer ao público, que tem sido fantástico e tem estado sempre presente, independentemente das provas e da importância das mesmas. Estamos focados nesse objetivo e estamos convictos que, apesar das dificuldades que vamos ter, vamos dar uma boa resposta.”

Ambição, determinação e paixão
“Hoje em dia não há jogos fáceis. Lembro-me no ano passado, no início do nosso trajeto na Taça da Liga, em que empatámos com o Leixões em casa. O Leixões deu uma excelente resposta, uma excelente réplica. Fiz poucas mudanças e não foi por isso que uma equipa da II Liga deixou de fazer uma boa exibição aqui. Todos os jogos são difíceis e há que encará-los da melhor forma. A melhor forma é sempre com caraterísticas que considero fundamentais: ambição, determinação, paixão por aquilo que fazemos.”

Ciclo de seis jogos em 24 dias
“Vou pegar nas palavras do ano passado. Vamos ter de ser inteligentes e criativos na gestão da equipa, na gestão do plantel nestes 24 dias. São jogos verdadeiramente exigentes, com algumas viagens pelo meio, com algum desgaste, mas estamos aqui para isso. Sou pago para isso, para procurar soluções e para em cada jogo apresentar o melhor onze para conseguir a vitória.”

+ notícias: FC Porto

FC Porto Sub-17 vence em casa por 11-0 o NDS Guarda

A equipa de Sub-17 do FC Porto goleou neste domingo o NDS Guarda, por 11-0, na 5.ª jornada da 1.ª fase do Campeonato Nacional de Juniores B. Os Dragões tinham prometido uma resposta à altura depois do empate frente ao Sporting de Espinho e cumpriram o objetivo.

Sérgio Conceição: "Era importante dar esta demonstração de força"

Depois do empate em Gelsenkirchen, e recordado daquilo que aconteceu na época passada após outros jogos da Liga dos Campeões, Sérgio Conceição estava determinado a vencer em Setúbal. O FC Porto conseguiu-o e, de acordo com o treinador, com toda a justiça. No final, reprovou o relvado, aplaudiu o adversário e disse que a sua equipa podia ter feito mais golos.

Atualizado 23-09-2018 11:36

Herrera: "Estou muito feliz pelos 200 jogos e espero fazer muitos mais"

Depois da vitória em Setúbal, onde completou o jogo 200 com a camisola do FC Porto, o capitão Héctor Herrera sublinhou a importância da conquista dos três pontos no percurso para a revalidação do título e assumiu que a oportunidade de poder vestir a camisola do FC Porto é, só por si, “um orgulho” para ele.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.