Jornal Diário Jornal das 13 Último Jornal

Mulher agredida pelo marido com "facadas em todo o corpo" em Bragança

Mulher agredida pelo marido com "facadas em todo o corpo" em Bragança
| Norte
Porto Canal com Lusa

Uma mulher foi esta terça-feira agredida pelo marido em Bragança com facadas "em todo o corpo", encontrando-se hospitalizada nas urgências, informou a PSP, que deteve o alegado agressor.

Atualizado 16-01-2018 18:35

De acordo com informação recolhida pela Lusa junto do Comando Distrital de Bragança da PSP, a vítima, com 34 anos, apresentava facadas "por todo o corpo, inclusive na cabeça".

Segundo o que o Porto Canal conseguiu apurar com fonte do Hospital de Bragança a mulher está em observação nas urgências deste centro hospitalar.

A fonte indicou que o alegado agressor, de 36 anos, se encontra detido nas instalações da PSP para ser presente, na quarta-feira, em tribunal para primeiro interrogatório e aplicação das medidas de coação.

De acordo com os relatos recolhidos pela polícia, a agressão terá ocorrido durante um desentendimento entre o casal, junto a uma estação de serviço na cidade de Bragança.

A Polícia foi chamada ao local às 13h30.

+ notícias: Norte

Greve dos técnicos de diagnóstico e terapêutica cancela exames e análises em todos os hospitais do Porto

No segundo e último dia de greve dos técnicos de diagnóstico e terapêutica, esta sexta-feira, os principais impactos são exames adiados e análises canceladas. Os profissionais exigem a revisão da carreira e dos salários.

Ex-presidente da Gaianima condenado a pena suspensa e indemnização à Câmara

O ex-presidente do Conselho de Administração da empresa municipal Gaianima, Ricardo Almeida, foi esta sexta-feira condenado a três anos e seis meses de prisão, suspensa na sua execução, e a indemnizar a Câmara de Gaia em 59.996 euros.

Trás-os-Montes continua a 'lutar' contra vespa das galhas do castanheiro

A vespa das galhas do castanheiro continua a afetar os produtores de castanha em Trás-os-Montes. Alguns municípios têm intensificado a luta contra esta praga através da largada de parasitoides, a única forma de minimizar os efeitos para o castanheiro.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.