Jornal Diário Jornal das 13 Último Jornal

António Costa elege política de "habitação acessível" como prioridade para 2ª metade da legislatura

| Política
Porto Canal com Lusa

O secretário-geral do PS, António Costa, elegeu este sábado como prioridade para a segunda parte da legislatura criar uma política de habitação que dê a possibilidade à classe média e aos jovens de arrendarem casa nos centros das cidades.

António Costa disse ser necessário as autarquias fazerem "mais e melhor" em áreas como a saúde, educação e valorização do património, entre outras, no âmbito da descentralização de competências, para que o Governo "possa também assumir novas politicas em áreas decisivas", como a habitação.

"Temos de ter uma política de habitação acessível para a classe média e, em particular, para as novas gerações", que se confrontam com preços "inacessíveis" no mercado do arrendamento.

Contudo, salientou, "a solução não é travar o turismo", porque é "algo fundamental" para a economia.

Para o líder socialista, que falava esta tarde em Vila Nova de Gaia, distrito do Porto, no âmbito da apresentação da candidatura de Eduardo Vítor Rodrigues à autarquia local, as cidades têm de estar "cada vez mais abertas" ao turismo e a chave agora é criar essa oferta de arrendamento acessível nos centros das cidades.

+ notícias: Política

Presidente da Liga dos Bombeiros admite cortar relações com o Governo se não houver mais investimento nas corporações

Jaime Marta Soares, Presidente da Liga dos Bombeiros, admite cortar relações com o Governo se não houver mais investimento nas corporações. Duras críticas ao executivo no mesmo dia em que Eduardo Cabrita anunciou que até ao final do ano todos os concelhos considerados de alto risco vão ter equipas de Bombeiros de intervenção permanente.

Capucho regressa ao partido e saúda "matriz social-democrata" de Rui Rio

Lisboa, 19 fev (Lusa) -- O ex-vice-presidente do PSD António Capucho vai regressar ao partido, cinco anos depois de ter a sua militância suspensa, e saudou hoje o "regresso à matriz social-democrata" da liderança de Rui Rio.

Rui Rio aponta fortalecimento da classe média como prioridade

O novo presidente do PSD, Rui Rio, apontou este domingo o fortalecimento da classe média como "o principal foco de ação" de um partido social-democrata, a par do combate à pobreza.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.