Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Taxas Euribor mantêm-se a 3, 6 e 12 meses e descem a 9 meses

| Economia
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 20 mar (Lusa) -- As taxas Euribor mantiveram-se hoje a três, seis e 12 meses e desceram a nove meses em relação a sexta-feira.

A Euribor a três meses, em valores negativos desde 21 de abril de 2015, voltou hoje a ser fixada em -0,329%, acima do atual mínimo de sempre de -0,330% registado pela primeira vez em 22 de fevereiro.

A taxa Euribor a seis meses, a mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação e que entrou em terreno negativo pela primeira vez em 06 de novembro de 2015, também foi hoje fixada de novo em -0,241%, inalterada face a quinta-feira e contra o atual mínimo de -0,244%, registado pela primeira vez em 26 de janeiro.

A 12 meses, a Euribor, que desceu para valores abaixo de zero pela primeira vez em 05 de fevereiro de 2015, também se manteve hoje ao ser fixada em -0,109%. A Euribor a 12 meses atingiu o atual mínimo de sempre, de -0,114%, pela primeira vez em 01 de março.

No prazo de nove meses, a Euribor desceu 0,001 pontos face a sexta-feira, ao ser fixada em -0,169%, contra -0,172%, atual mínimo histórico, registado pela primeira vez em 28 de fevereiro.

Depois de ter sido fixada em valores negativos entre 27 de novembro e 03 de dezembro de 2015, a Euribor a nove meses voltou para níveis abaixo de zero em 07 de janeiro de 2016, nos quais se tem mantido desde então.

As Euribor são fixadas pela média das taxas às quais um conjunto de 57 bancos da zona euro está disposto a emprestar dinheiro entre si no mercado interbancário.

MC // MSF

Lusa/Fim

+ notícias: Economia

Protocolo com Iberdrola leva ao investimento de 50 milhões de euros em sete municípios transmontanos

Sete municípios transmontanos vão investir 50 milhões de euros em projetos sociais e culturais até ao final de 2017. O montante resulta do protocolo estabelecido com a espanhola Iberdrola, empresa que está a construir três barragens no Alto Tâmega. O projeto hidroelétrico, um dos maiores a nível europeu, está orçado em 1.500 milhões de euros.

Défice público 'derrapa' 300 milhões de euros com aumento dos reembolsos fiscais

O défice orçamental das administrações públicas, em contabilidade pública, subiu para 1.931 milhões de euros nos primeiros quatro meses do ano, piorando 314 milhões face ao mesmo período do ano passado, indicou hoje o Ministério das Finanças.

BES: Mais de 1.900 clientes lesados do papel comercial aceitaram solução

Lisboa, 26 mai (Lusa) -- Mais de 1.900 clientes que investiram em papel comercial vendido pelo BES, o equivalente a 97% do total, aceitaram aderir ao mecanismo que visa compensar parcialmente as perdas sofridas na queda do banco, segundo informação enviada à Lusa.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

DESCUBRA MAIS