Marcelo dirige-se a manifestantes e realça posições de Portugal na ONU em defesa da Palestina

Marcelo dirige-se a manifestantes e realça posições de Portugal na ONU em defesa da Palestina
| Norte
Porto Canal/Agências

O Presidente da República dirigiu-se esta segunda-feira a dezenas de jovens manifestantes pela causa palestiniana, realçando-lhes as posições portuguesas pelo cessar-fogo em Gaza e pela entrada do Estado Palestiniano como membro de pleno direito das Nações Unidas.

Este episódio aconteceu quando Marcelo Rebelo de Sousa estava a chegar ao Pátio da Universidade de Coimbra, onde arrancam as comemorações dos 500 anos do nascimento de Luís de Camões, e viu dezenas de manifestantes pró-Palestina junto à entrada da Faculdade de Letras.

Ao contrário do que tinha acontecido momentos antes com o primeiro-ministro, Luís Montenegro, o chefe de Estado foi ter com eles.

Durante cinco minutos, começou por ouvir um dos organizadores da manifestação exigir o imediato reconhecimento diplomático de Portugal do Estado Palestiniano e o “fim da cumplicidade da Universidade de Coimbra” com o Estado de Israel e o “massacre” do povo palestiniano.

Após escutar essa mensagem, o Presidente da República pediu então o microfone emprestado aos manifestantes e disse-lhes “duas coisas” em menos de um minuto.

“Portugal, pela primeira vez, votou há um mês e meio a favor da entrada da Palestina como membro de pleno direito das Nações Unidas. Até então, apenas tinha a posição de ser membro associativo”, referiu.

Depois, Marcelo Rebelo de Sousa realçou que “Portugal tinha acabado de assinar, entre outras declarações, uma a favor do cessar-fogo”.

“Já tinha tomado posição e agora defende que se leve às Nações Unidas uma resolução assinada por inúmeros países de vários continentes”, afirmou.

Um dos manifestantes voltou a pegar no microfone e agradeceu a atenção que lhes foi dedicada pelo Presidente da República.

+ notícias: Norte

Idoso transportado para o São João depois de paragem cardiorrespiratória no Mar Shopping

Um idoso foi transportado para o Hospital São João, no Porto, depois de ter sofrido uma paragem cardiorrespiratória, na manhã desta segunda-feira, no hipermercado Mar Shopping, em Matosinhos.

Autocarros da Avic voltam a circular em Viana do Castelo esta terça-feira

A Avic vai repor a partir de terça-feira o transporte público urbano e interurbano em Viana do Castelo, invocando um parecer da Autoridade da Mobilidade e dos Transportes (AMT) para que operadores do grupo sejam “adequadamente compensados” pelo serviço.

IP anuncia avanços nos investimentos para a modernização da Linha do Douro

A Infraestruturas de Portugal (IP) anunciou esta segunda-feira avanços nos projetos de modernização da Linha Ferroviária do Douro relativamente à eletrificação do troço Régua – Pocinho e ao estudo para a reabertura da via até Barca d’Alva.