Chuvas intensas da depressão Nelson deixaram barragens em Portugal no limite da sua capacidade

Chuvas intensas da depressão Nelson deixaram barragens em Portugal no limite da sua capacidade
Lusa
| País
Porto Canal

A passagem da tempestade 'Nelson' durante a semana da Páscoa trouxe consigo chuvas torrenciais que resultaram num aumento significativo no volume das barragens em território nacional. De acordo com os dados mais recentes, e segundo avança o Correio da Manhã, o volume médio das 80 barragens monitoradas subiu de 86,4% para 89% em apenas uma semana, sendo que 16 destas encontram-se completamente cheias, operando a 100%. Por outro lado, apenas quatro barragens registam um volume inferior a 40%. 

No Algarve, a situação alcançou um marco positivo, com a região finalmente a sair de um estado alerta em termos de reservas de água por bacias hidrográficas, graças aos ganhos obtidos nas barragens durante este período.

No Alentejo, destaca-se a barragem do Alqueva, que atingiu esta terça-feira um volume de 3942 metros hm3, correspondente a 95% da sua capacidade total, estando apenas a 55 centímetros de atingir a capacidade máxima pela primeira vez em uma década.

Seguindo-se a estas, a bacia hidrográfica de Castelo de Bode, localizada no rio Zêzere, registou 96% da sua capacidade, enquanto a do Baixo Sabo, afluente do rio Douro, detém a terceira maior albufeira do paíse apresenta uma capacidade de 94%.

Com as previsões de mais chuva até segunda-feira, os agricultores algarvios estão a apelar ao Governo para que alivie as restrições ao uso da água na agricultura, impostas devido à prolongada seca que afetou a região.

+ notícias: País

Eis a chave do EuroDreams desta quinta-feira

A chave vencedora do prémio EuroDreams desta quinta-feira é composta pelos números 4 - 13 - 16 - 18 - 28 - 30 e pelo Número de Sonho 2.

Incêndios. Governo apela à limpeza dos terrenos rurais

A ministra da Administração Interna, Margarida Blasco, apelou esta quinta-feira a todos os portugueses proprietários de terrenos rurais para que procedam à sua limpeza, destacando que este ato é fundamental para a prevenção dos incêndios florestais.

Ministro da Educação disponível para devolver 20% por ano aos professores

O ministro da Educação mostrou-se, esta quinta-feira, disponível para negociar a recuperação do tempo de serviço, explicando que a proposta do Governo prevê começar a devolução este ano e os restantes 80% nos próximos quatro anos da legislatura.