Idosa de 68 anos continua desaparecida em Monção. Buscas foram retomadas 

Idosa de 68 anos continua desaparecida em Monção. Buscas foram retomadas 
DR
| Norte
Porto Canal/Agências

Os Bombeiros e militares da GNR de Monção reiniciaram às 8h15 as operações de busca por uma mulher de 68 anos, que sofre da doença de Alzheimer, dada como desaparecida na quarta-feira às 16h40, disse a Proteção Civil.

Contactada pela agência Lusa, fonte do Comando Sub-regional do Alto Minho, adiantou que o dispositivo mobilizado para a operação envolve 13 operacionais e seis viaturas dos Bombeiros e da GNR de Monção, no distrito de Viana do Castelo.

A mesma fonte acrescentou que as buscas, pelos bombeiros, começaram às 16h57 de quarta-feira e terminaram às 0h30.

Na quarta-feira, o comandante dos Bombeiros de Monção, José Passos, referiu que a mulher desapareceu cerca das 14h00, quando se encontrava junto de familiares no lugar de Gandra, freguesia de Mazedo.

“A senhora estava junto de familiares que se encontravam a trabalhar numa obra de construção. Desapareceu sem que se tivessem apercebido. Iniciaram as buscas e, às 16h40, alertaram a proteção civil”, especificou.

+ notícias: Norte

“Ato fora da lei”. Homem atravessa o Rio Douro numa corda perante desconhecimento das autoridades

Um homem foi filmado, durante a tarde deste sábado, a atravessar o Rio Douro num cabo que liga a margem de Vila Nova de Gaia ao Porto. Contactada pelo Porto Canal, a nona esquadra da Polícia de Segurança Pública (PSP) do Porto assegurou, inicialmente, tratar-se este de um evento que decorre durante o fim-de-semana, um cenário refutado momentos depois.

Golfinho ferido com gravidade resgatado na Ria de Aveiro pela GNR

Um golfinho foi resgatado das pedras do molhe do Norte na Barra de Aveiro, no dia 9 de abril, por uma Unidade de Controlo Costeiro e de Fronteiras (UCCF) da Guarda Nacional Republicana.

Suspensas buscas do jovem desaparecido no mar da praia da Costa Nova 

AS buscas do jovem de 19 anos que desapareceu este domingo no mar da praia da Costa Nova, em Ílhavo (Aveiro), vão ser suspensas ao final do dia, anunciou a Autoridade Marítima Nacional.