Idosa de 68 anos continua desaparecida em Monção. Buscas foram retomadas 

Idosa de 68 anos continua desaparecida em Monção. Buscas foram retomadas 
DR
| Norte
Porto Canal/Agências

Os Bombeiros e militares da GNR de Monção reiniciaram às 8h15 as operações de busca por uma mulher de 68 anos, que sofre da doença de Alzheimer, dada como desaparecida na quarta-feira às 16h40, disse a Proteção Civil.

Contactada pela agência Lusa, fonte do Comando Sub-regional do Alto Minho, adiantou que o dispositivo mobilizado para a operação envolve 13 operacionais e seis viaturas dos Bombeiros e da GNR de Monção, no distrito de Viana do Castelo.

A mesma fonte acrescentou que as buscas, pelos bombeiros, começaram às 16h57 de quarta-feira e terminaram às 0h30.

Na quarta-feira, o comandante dos Bombeiros de Monção, José Passos, referiu que a mulher desapareceu cerca das 14h00, quando se encontrava junto de familiares no lugar de Gandra, freguesia de Mazedo.

“A senhora estava junto de familiares que se encontravam a trabalhar numa obra de construção. Desapareceu sem que se tivessem apercebido. Iniciaram as buscas e, às 16h40, alertaram a proteção civil”, especificou.

+ notícias: Norte

Braga defende que alta velocidade entre Porto e Vigo não pode cair no esquecimento

O presidente da Câmara de Braga, Ricardo Rio, defendeu esta quarta-feira que o eixo atlântico da linha ferroviária de alta velocidade deve ser a prioridade do Governo, prometendo manter o tema da ligação Porto-Vigo na agenda pública.

Jovem de 20 anos morre em despiste contra árvore em Guimarães

Um jovem de 20 anos morreu esta quarta-feira na sequência de um despiste na circular urbana de Guimarães, na zona de Azurém, disse fonte do Comando do Ave da Proteção Civil.

Homem morre após cair dentro de um poço em Bragança

Um homem de 68 anos foi esta quarta-feira encontrado sem vida dentro de um poço na localidade de Peredo de Bemposta, no concelho de Mogadouro, distrito de Bragança, disse à Lusa fonte da GNR.