Matosinhos: Nove trabalhadores imigrantes acusam circo de exploração laboral. Organização nega

| País
Porto Canal

Nove trabalhadores naturais de Timor-Leste acusam o circo Soledad Cardinali, instalado em Matosinhos, de não dispor de condições de acolhimento dignas e de não pagar salários. Os funcionários chamaram a Polícia de Segurança Publica (PSP) ao início da tarde deste domingo e apresentaram queixa.

Os nove trabalhadores timorenses não se alimentam há dois dias e terão sido expulsos do evento com salários por receber, garante ao Porto Canal fonte próxima dos queixosos. Os nove trabalhadores queixam-se ainda de estarem alojados em caravanas sobrelotadas, sem acesso a casa de banho, e de trabalharem diariamente das 8 às 2 da manhã.

Ao Porto Canal a organização nega todo o teor das queixas e salienta que "acolheu por caridade" as pessoas em causa, que estas se recusavam a trabalhar e apenas queriam "comer e internet".

O circo Soledad Cardinali está instalado no parque de estacionamento do Senhor de Matosinhos, junto ao cemitério de Sendim, entre 30 de novembro e 8 de janeiro.

+ notícias: País

Combustíveis descem já na próxima semana

A próxima semana será marcada por uma descida no preço dos combustíveis. A informação é avançada pela CNN Portugal, que apurou os valores junto a uma fonte de mercado, tendo por base os preços internacionais dos produtos refinados e do petróleo.

Chave Móvel Digital regista 33 mil ativações com biometria "em apenas um mês"

A Chave Móvel Digital registou, "em apenas um mês de funcionamento", 33 mil ativações com biometria, "tornando-se no principal canal de ativações, com 29% do total realizado", foi esta sexta-feira divulgado.

Apreendido cerca de um milhão de euros convertido em criptomoedas

Cerca de um milhão de euros convertido em criptomoedas foi apreendido pela PSP, durante a operação em que deteve 10 pessoas de um grupo que operava através de uma falsa empresa corretora de ações de bolsa.