Porto traz cinco prémios na área da construção para o Norte

Porto traz cinco prémios na área da construção para o Norte
| Porto
Porto Canal

A cidade do Porto foi distinguida com o 'Prémio Cidade' nos Prémios Contruir 2022, cuja cerimónia decorreu em Lisboa.

Urbanismo, ordenamento do território, sustentabilidade ou habitação foram alguns dos temas destacados na atribuição deste galardão, realçando a cidade como polo de atratividade não apenas para investidores, mas também para turistas.

Algumas das obras que surgiram nos últimos tempos, que levaram à atribuição do Prémio Cidade, foram também elas distinguidas, exemplo do Mercado do Bolhão e Terminal Intermodal de Campanhã (TIC).

O mercado do Bolhão foi distinguido com o prémio “Melhor Projeto de Reabilitação”, entregue ao arquiteto Nuno Valentim, e também com a categoria “Melhor Espaço de Comércio e Serviços”, na área de Imobiliário. O mercado centenário recebeu ainda uma terceira distinção, entregue à MC2E - Consultores de Engenharia, responsável pela ‘Fiscalização e Coordenação’ do mercado.

A categoria “Melhor Projeto Público” de Arquitetura foi também arrecadada pela cidade do Porto. O prémio foi entregue a Nuno Brandão Costa e ao projeto que desenhou para o TIC.

Os Prémios Construir consideraram, ainda, o Porto Office Park (POP), que alberga várias empresas tecnológicas, como ‘Melhor Edifício de Escritórios’ na categoria ‘Imobiliário’.

+ notícias: Porto

O Natal chegou à Invicta. Dezembro repleto de "magia" na cidade do Porto

O Natal chega esta quinta-feira, dia 1 de dezembro, oficialmente ao Porto e ocupa os Jardins do Palácio de Cristal, dando início a uma vasta programação alusiva à época. De 1 a 30 de dezembro, o “Palácio de Natal” apresenta dezenas de atividades artísticas e lúdicas para toda a família. Ao cair da noite de ontem, iluminou-se a tradicional árvore de Natal em frente aos Paços do Concelho, assim como as ruas da cidade.

Dança contemporânea entra em lares do Porto para combater solidão e sofrimento

Mulheres e homens entre os 60 e 101 anos, com doenças neurodegenerativas ou mobilidade reduzida e a viver em lares no Porto, estão a combater a solidão e sofrimento através do projeto de dança contemporânea inclusiva “Tsugi Porto”.

“A carta já está escrita e já seguiu”. Metro do Porto responde à autarquia sobre os atrasos nas obras da Linha Rosa

O presidente da Metro do Porto tinha anunciado que iria responder ao autarca da cidade por carta e a missiva, garante Tiago Braga ao Porto Canal, já foi enviada.