Universidade do Porto revela tesouro escondido da pintora Aurélia de Souza

Universidade do Porto revela tesouro escondido da pintora Aurélia de Souza
| Porto
Porto Canal

Há mais de 80 anos que cerca de 70 aguarelas inéditas da artista portuense estavam “perdidas” num conjunto de envelopes que foram doados à Universidade do Porto em 1920. Só em 2019 é que a instituição identificou estas peças de arte como sendo da pintora Aurélia de Sou

Rita Gaspar, curadora do Museu de História Natural e da Ciência da Universidade do Porto, revela que não queria acreditar que tantas aguarelas da artista, elaboradas por encomenda no final do século XIX para a revista Portugália, estavam entre o espólio da publicação.

“O nosso objetivo é, evidentemente, proporcionar o acesso à comunidade com esta exposição que está inserida na evocação do centenário da morte de Aurélia de Souza”, revela Rita Gaspar.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Porto Canal (@porto.canal)

As ilustrações, que representam peças de olaria, foram agora resgatadas do vasto arquivo da Universidade do Porto e já podem ser contempladas na Casa Comum da Reitoria da instituição. No espaço estão ainda mais de 25 exemplares do figurado de Barcelos, também fruto de doações à universidade, na maioria, da valiosa coleção do arquiteto da cidade Invicta, Alexandre Alves Costa.

Segundo a curadora do Museu de História Natural e da Ciência da Universidade do Porto, “para a instituição o valor (destas peças de arte) é efetivamente artístico e científico, sendo incalculável sempre”.

+ notícias: Porto

Como chegar (e sair) do novo Terminal Intermodal de Campanhã?

Tendo sido inaugurado a 20 de julho deste ano, desde 22 de novembro que o novo terminal recebe toda a operação da Rede Expressos, o que leva a que, neste momento, cerca de 40 mil pessoas por dia cheguem, passem ou partam do TIC. Para alguns utilizadores mantêm-se, no entanto, as dúvidas quanto aos acessos e serviços disponíveis na nova infraestrutura da cidade do Porto.

Identificado o homem morto com extrema violência no centro do Porto

Um homem foi encontrado já sem vida no interior do estabelecimento comercial que detinha, no centro do Porto, na noite da passada sexta-feira. Os sinais de elevada violência no cadáver levaram a que o caso transitasse para a Polícia Judiciária.

Ponte da Arrábida com trânsito condicionado este sábado e domingo

O trânsito na Ponte da Arrábida vai estar condicionado nos dois sentidos, neste fim-de-semana, devido às inspeções programadas e que estarão a cargo do Laboratório Nacional de Engenhar Civil (LNEC), anunciou a Infraestruturas de Portugal.