Bebé internado no São João com lesões cerebrais graves. Segundo caso em dois meses

| Porto
Porto Canal

Um bebé de seis meses está internado no hospital de S. João, no Porto, com lesões cerebrais graves. As primeiras suspeitas de que tenha sido vítima do síndrome do abanão surgiram no Centro Materno Infantil do Norte. Este é o segundo caso em apenas dois meses.

O bebé chegou ao hospital em Julho passado. Os pais são os principais suspeitos, mas o Porto Canal sabe que ainda não há suspeitos neste processo que está a ser investigado pela Polícia Judiciária do Porto.

Os resultados dos exames médico-legais feitos ao menino são compatíveis com o facto de ter sido abanado violentamente e mostram inclusivamente ferimentos antigos que já cicatrizaram, não só ao nível do crânio.

Há um mês, o Porto Canal também noticiou em primeira mão o caso de um menino de 4 meses, com graves lesões: primeiro deu entrada no hospital de Chaves, mas teve de ser transferido para o hospital S. João, no Porto, onde esteve mais de um mês em coma e com prognóstico reservado. Os exames também confirmam as fortes suspeitas, de tal forma que quando foi transferido de novo para o hospital de chaves, por ter melhorado e já não precisar de cuidados diferenciados, os pais do menino foram proibidos de visitar o bebé. São, também neste caso, os principais suspeitos. O menino passou a ter estatuto de vítima especialmente vulnerável.

Os progenitores e restantes familiares, que vivem em Chaves, recusam agora explicar o que aconteceu. O bebé terá já tido alta do hospital e estará entregue a uma instituição. Neste caso, os inspetores da PJ de Vila Real debatem-se agora com a difícil tarefa de apurar quem abanou o menino, quem lhe provocou lesões cerebrais graves que, no mínimo, podem valer a acusação de um crime de maus tratos, punível com pena de prisão entre um e cinco anos.

+ notícias: Porto

Primeiro banco de leite humano do Norte nasce no Hospital de São João

O Hospital de São João, no Porto, abriu o primeiro Banco de Leite Humano do Norte, o segundo no país. Oficialmente aberto esta segunda-feira, conta já com dadoras inscritas.

Ponte do TGV no Porto deverá ter dupla função. Tabuleiro para automóveis está em cima da mesa

A ponte do TGV no Porto deverá ter um tabuleiro para automóveis em vez de duas pontes no rio Douro. A notícia avançada pelo 'Jornal de Notícias' refere que as câmaras do Porto, Vila Nova de Gaia e Infraestruturas de Portugal (IP) estão a negociar um atravessamento do rio Douro com dupla função.

Incêndio em café rés-do-chão obriga a evacuação do prédio em Matosinhos

Um incêndio que deflagrou na madrugada desta segunda-feira num café rés-do-chão levou à evacuação de um prédio de habitação, o "Edifício Horizonte", na Rua Augusto Dinis, na Senhora da Hora, em Matosinhos. Tal como avançou o 'Jornal de Notícias', fonte da PSP adiantou que o incêndio deflagrou na cozinha do café, não tedo provocado estragos no interior de nehuma habitação.