Info

Covid-19: Centro de Vacinação 'drive-thru' no Porto abre quinta-feira

| Norte
Porto Canal com Lusa

Porto, 07 jul 2021 (Lusa) -- O Centro de vacinação 'drive-thru', instalado no Queimódromo, junto ao Parque da Cidade, entra em funcionamento na quinta-feira, devendo permitir a inoculação de 2.000 pessoas por dia, revelou hoje a Câmara do Porto.

Numa nota de imprensa, a autarquia convoca a comunicação social a estar presente para a abertura daquela estrutura, que entra em funcionamento na quinta-feira.

O Presidente da Câmara do Porto, o Presidente da ARS-N, o Presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar de São João, e o CEO da UNILABS, apresentam, no local, o modo de funcionamento deste espaço.

No dia 30 de junho, em declarações à Lusa, o presidente da Câmara do Porto, o independente Rui Moreira, anunciou que o Centro de vacinação 'drive-thru', a instalar no Queimódromo, já tinha luz verde do Governo.

O equipamento, que vai permitir a inoculação de 2.000 pessoas por dia, estava pronto a utilizar deste fevereiro, mas a autorização do Governo e da 'task force' para a vacinação chegou apenas no final de junho e depois das notícias que davam contas de filas de espera de várias horas.

"Eu julgo que nós precisamos de mais qualquer coisa como cinco ou seis dias para ter aquilo a funcionar. Há questões logísticas que têm de ser articuladas", indicou, à data, o autarca.

A operacionalização da estrutura, destinada a inocular pessoas que fizeram o agendamento automático da vacina, ficará agora a cargo da Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-Norte) em articulação com os parceiros, nomeadamente a Unilabs.

À câmara caberá prestar todo o apoio que foi pedido, nomeadamente a cedência das instalações e o policiamento.

Esta estrutura, sublinhava na altura o autarca, vai permitir diminuir a carga que estava a ser verificada e que era "excessiva" no Regimento de Transmissões do Exército.

No dia 24 de junho, dia do feriado de São João no Porto, a Câmara ativou os meios da proteção civil e dos bombeiros para apoiar quem aguardava na fila do centro de vacinação contra a covid-19 instalado no Regimento de Transmissões do Exército, onde se têm registado longas filas de espera.

O memorando de entendimento com o Centro Hospitalar de São João, com vista à implementação de um centro de vacinação covid-19 em regime 'drive-thru' no Queimódromo, foi aprovado pela Câmara do Porto em 05 de abril, mas o equipamento estava desde fevereiro pronto a ser operacionalizado.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 3.996.519 mortos em todo o mundo, resultantes de mais de 184,4 milhões de casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o balanço mais recente feito pela agência France-Presse.

Em Portugal, desde o início da pandemia, em março de 2020, morreram 17.126 pessoas e foram registados 896.026 casos de infeção, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em países como o Reino Unido, a Índia ou a África do Sul.

VSYM // MSP

Lusa/Fim

+ notícias: Norte

Homem esfaqueado fica gravemente ferido em rixa no Porto

Uma rixa que despoletou no Campo dos Mártires da Pátria, no Porto, às 3h da madrugada de sábado, provocou um ferido grave e vários ligeiros, segundo o que o Porto Canal apurou junto das autoridades.

Queda de árvore mata homem em Vila do Conde

Um homem morreu, na tarde deste sabádo, na sequência da queda de uma árvore, em Vila do Conde. Ao que o Porto Canal apurou, o alerta foi dado pelas 14h28 e no local estão os Bombeiros Voluntários de Vila do Conde.

Luísa Salgueiro diz que "só depois das eleições será evidente o esforço feito relativamente à Petrogal"

A atual autarca de Matosinhos, Luísa Salgueiro, falou acerca da Petrogal no debate promovido pelo Porto Canal na última terça-feira, e disse que "só depois das eleições será evidente o esforço feito".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.