Enfermeiros do Hospital de Braga cumprem primeiro dia de greve e suspendem protesto

| Norte
Porto Canal com Lusa

Os enfermeiros do Hospital de Braga suspendem na quarta-feira a greve de 15 dias que iniciaram esta terça-feira pela "harmonização das 35 horas de trabalho", depois de a administração ter aceitado “voltar a negociar”, disse fonte sindical.

Atualizado 04-07-2018 11:17

"A administração já assumiu que vai decretar as 35 horas, mas apenas a 01 de janeiro. Hoje, anunciou que na sexta-feira vai apresentar uma nova proposta para as 35 horas, os seus compromissos para o pagamento de horas extraordinárias e o pagamento de 1.200 euros aos especialistas", referiu o presidente do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP), José Martins, ao anunciar hoje a suspensão do protesto que protesto que deveria durar 15 dias.

Por isso, justificou o sindicalista, "em sinal de boa-fé, os enfermeiros decidiram, em plenário, suspender amanhã [quarta-feira], de manhã, a greve que estava decretada".

Contactada pela agência Lusa, a administração afirmou, por escrito, ter recebido "com estranheza" o pré-aviso de greve afirmando que "sempre foi demonstrada total disponibilidade para, em sede própria, discutir as questões levantadas e apresentar soluções", lê-se.

Na resposta enviada à Lusa, o Hospital de Braga esclarece que "tem vindo, no decorrer dos últimos dois anos, a reunir-se regularmente com o SEP no sentido de concertar uma agenda que contemple diversas questões laborais em aberto e que culmine na celebração de um Acordo de Empresa".

"A valorização salarial, a progressão na carreira e a possibilidade de redução de horário para as 35 horas - apesar de não existir por parte do Hospital de Braga qualquer obrigação legal na sua implementação - assim como outras questões laborais têm sido discutidas nas várias reuniões ocorridas, tendo a última acontecido no passado mês de junho", lê-se.

A administração garantiu ainda que as negociações não estão fechadas.

"O Hospital de Braga mantém, por isso, a sua disponibilidade para, em sede própria, continuar a negociar os termos do Acordo de Empresa", apontou.

+ notícias: Norte

Município de Braga assina auto de descentralização de competências na área da Saúde

O Município de Braga assinou, esta segunda-feira, o auto de descentralização de competências para o sector da Saúde. A cerimónia, que decorreu na sede da ARS Norte, no Porto, contou com a presença da vice-presidente da Câmara Municipal de Braga, Sameiro Araújo, do ministro da Saúde, Manuel Pizarro, e do presidente da ARS Norte, Carlos Nunes.

Jovem morre em Guimarães após despiste de mota

Uma mulher com 25 anos morreu, na manhã deste sábado, em Guimarães, na sequência de um acidente de mota. O gelo na estrada poderá ter estado na origem do despiste.

'Metrobus' do Porto apresentado esta segunda-feira. Obras arrancam durante a semana

O projeto do 'metrobus' do Porto, entre a Rotunda da Boavista e a Praça do Império, vai ser apresentado na segunda-feira, devendo as obras começar ainda durante a próxima semana, disse este domingo fonte da Metro do Porto à Lusa.