Info

Militares da GNR absolvidos de tráfico de pessoas e burla

| Norte
Porto Canal com Lusa

Porto, 12 jul (Lusa) -- Dois militares da GNR e a mulher de um deles acusados de explorar operários da construção civil em França, com promessas de salários altos, foram hoje absolvidos pelo Tribunal São João Novo, no Porto.

O coletivo de juízes justificou a absolvição com o facto de não se ter dado como provado a intenção dos arguidos em explorar os trabalhadores.

Contudo, os magistrados sublinharam que isso não significa que os operários não tenham passado maus tempos em França.

O Ministério Público (MP) acusou os militares e a mulher de um deles de contratar oito portugueses para trabalhar em Paris, França, na construção civil com promessas de salários altos, alojamento e alimentação.

Contudo, as promessas não foram cumpridas e, além de não receberem salário, os operários trabalhavam mais de 14 horas por dia, dormiam no chão e comiam pouco, havendo mesmo dias em que passaram fome, sustentava a acusação.

SYF // LIL

Lusa/Fim

+ notícias: Norte

Incêndio destrói armazém de lenha em Santa Maria da Feira

Um incêndio destruiu este domingo ao início da tarde um armazém de lenha em Santa Maria da Feira sem causar feridos mas obrigou à retirada de um idosa acamada que estava numa casa junto ao armazém, apurou o Porto Canal no local.

Metro do Porto vai retirar bancos para aumentar capacidade das carruagens

A Metro do Porto vai voltar a retirar alguns bancos para aumentar a capacidade dos veículos. Face à afluência do número de passageiros, será reduzido o número de lugares sentados em mais de 20 composições.

Atropelamento na EN13 faz uma vítima mortal em Chafé, Viana do Castelo

Uma mulher de 59 anos morreu na noite de sábado, pelas 21:15 horas, vítima de atropelamento na Estrada Nacional (EN) 13 em Chafé, Viana do Castelo, segundo fonte da GNR local.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.