Info

Militares da GNR absolvidos de tráfico de pessoas e burla

| Norte
Porto Canal com Lusa

Porto, 12 jul (Lusa) -- Dois militares da GNR e a mulher de um deles acusados de explorar operários da construção civil em França, com promessas de salários altos, foram hoje absolvidos pelo Tribunal São João Novo, no Porto.

O coletivo de juízes justificou a absolvição com o facto de não se ter dado como provado a intenção dos arguidos em explorar os trabalhadores.

Contudo, os magistrados sublinharam que isso não significa que os operários não tenham passado maus tempos em França.

O Ministério Público (MP) acusou os militares e a mulher de um deles de contratar oito portugueses para trabalhar em Paris, França, na construção civil com promessas de salários altos, alojamento e alimentação.

Contudo, as promessas não foram cumpridas e, além de não receberem salário, os operários trabalhavam mais de 14 horas por dia, dormiam no chão e comiam pouco, havendo mesmo dias em que passaram fome, sustentava a acusação.

SYF // LIL

Lusa/Fim

+ notícias: Norte

Piloto comunicou condições meteorológicas adversas antes de desaparecer. Vários meios da Proteção Civil procuram helicóptero

O piloto do helicóptero desaparecido na zona de Valongo comunicou à torre de controlo do Porto que estava a enfrentar condições meteorológicas adversas. Vários meios da Proteção Civil estão envolvidos nas buscas para localizar um helicóptero de emergência médica, com quatro pessoas a bordo, desde as 18:30 deste sábado, informou o INEM em comunicado e apurou o Porto Canal.

Atualizado 15-12-2018 23:15

Presidente da República passa Natal junto de crianças com cancro do hospital do Porto

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, anunciou hoje que vai passar o dia de Natal junto das crianças com cancro internadas no Hospital de São João, no Porto.

Um morto e três feridos em colisão de viaturas junto à Trofa

Um homem de 21 anos morreu e três ficaram feridos numa colisão entre dois automóveis ligeiros na Estrada Nacional 14 junto à Trofa, no distrito do Porto, na madrugada deste sábado, disse à Lusa fonte dos bombeiros locais.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.