Jornal Diário Jornal das 13 Último Jornal

Ensino superior e ciência também descongelam carreiras, mas ministro não sabe quanto custará

| Política
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 14 nov (Lusa) -- O ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, garantiu hoje o descongelamento de carreiras para os docentes do ensino superior e investigadores em 2018, mas não sabe ainda quanto isso vai custar.

À saída da audição pela comissão parlamentar de Educação e Ciência na Assembleia da República, onde esta tarde foi ouvido pelos deputados no âmbito da discussão na especialidade do Orçamento do Estado para 2018, o ministro garantiu o descongelamento também na ciência e no ensino superior.

"Vai ser feito em todas as áreas de forma idêntica. O que está combinado é que o Ministério das Finanças fixará a dotação que depois será distribuída pelas instituições, uma vez que cada instituição tem práticas diferentes de esquemas de progressão na carreira", disse Manuel Heitor aos jornalistas.

Questionado sobre o peso desse descongelamento no Orçamento do Estado para o próximo ano, o ministro disse que não sabe ainda qual o valor.

"Não tenho definido", disse.

IMA // JMR

Lusa/fim

+ notícias: Política

Áreas Metropolitanas querem gerir bairros do IHRU e Segurança Social

As Áreas Metropolitanas do Porto e de Lisboa querem gerir os bairros que atualmente estão na alçada do Instituto da Habitação e Reabilitação Urbana (IHRU) e da Segurança Social, disseram hoje os presidentes das entidades metropolitanas.

Centeno responde a dúvidas do PSD sobre crescimento português em 2017

Mário Centeno lembrou esta quarta-feira que, pela primeira vez, o crescimento português convergiu com o da zona euro, depois de ser questionado pelo eurodeputado José Manuel Fernandes sobre a possibilidade de Portugal ficar abaixo da média europeia este ano.

Rui Rio admite "nova fase" das relações com PS

O presidente do PSD admitiu que há "uma nova fase" nas relações com o PS e anunciou que irá ainda esta terça-feira indicar os interlocutores para o diálogo com o Governo nas áreas da descentralização e do futuro quadro comunitário.

Atualizado 21-02-2018 11:47

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.