Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Adesão à greve dos enfermeiros no turno da noite é de 87% mas pode subir no terceiro dia

| País
Porto Canal com Lusa

A adesão à greve dos enfermeiros foi de cerca de 87% no turno da noite, disse o sindicalista José de Azevedo, adiantando que espera que o número venha a subir neste terceiro dia de paralisação.

"Ainda estamos a obter alguns dados, mas tudo aponta para uma adesão de 86/87% relativamente ao turno da noite, que teve início às 00:00. Contudo a nossa perspetiva é a de que este número venha a subir ao longo do dia de hoje", disse à agência Lusa o presidente dos Sindicato dos Enfermeiros (SE).

No que diz respeito a terça-feira, segundo dia de greve, José de Azevedo destacou que a adesão à paralisação foi de 87/88%.

Quanto à reunião de terça-feira entre o Sindicato de Enfermeiros Portugueses (SEP) e o ministro da Saúde, que terminou sem conclusões, tendo ficado marcada uma nova ronda de negociações para quinta-feira, o sindicalista reafirmou que são "manobras de diversão".

"Tal como já havia dito na terça-feira, esta reunião ajuda as pessoas a perceber que se trata apenas de manobras de diversão", disse.

A reunião aconteceu no segundo dia de fortes protestos a acompanharem por todo o país a greve, que decorrerá até sexta-feira, contra a recusa do Ministério da Saúde em aceitar a proposta de atualização gradual dos salários e de integração da categoria de especialista na carreira.

A greve, marcada pelo Sindicato Independente dos Profissionais de Enfermagem (SIPE) e pelo SE, começou às 00:00 de segunda-feira e decorre até às 24:00 de sexta-feira.

A Secretaria de Estado do Emprego considerou irregular a marcação da greve, alegando que o pré-aviso não cumpriu os dez dias úteis que determina a lei.

O primeiro dia de greve, que teve uma adesão de 85%, ficou marcado por várias manifestações de enfermeiros frente a alguns dos principais hospitais portugueses, nomeadamente no Porto, Coimbra e Lisboa.

+ notícias: País

Mais de 5.000 mortos, mais de 15 mil milhões de prejuizos nas estradas, só nesta década

Desde o início desta década e até à semana passada morreram nas estradas portuguesas 5.424 pessoas, com os acidentes rodoviários a provocarem um prejuízo económico superior a 15 mil milhões de euros.

Portugueses retidos no estrangeiro devido à Ryanair obrigados a pagar alojamento enquanto esperam por outro voo

Dezenas de queixas de portugueses retidos no estrangeiro devido aos cancelamentos da Ryanair estão a chegar à DECO e a Autoridade Nacional de Aviação Civil. A estes passageiros está a ser cobrado o alojamento e a alimentação até ao dia do voo de regresso. Uma situação que em alguns casos dura vários dias.

Mortalidade por cancro do pulmão nas mulheres regista "aumento significativo"

O diretor nacional do Programa Nacional para as Doenças Oncológicas disse hoje no Porto que há um "aumento significativo" da mortalidade no sexo feminino por cancro do pulmão, mas é "ainda muito menor do que no sexo masculino".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS

Nota Alta

"Todos nós estamos desenhados...