Jornal das 13 Jornal Diário Último Jornal

Estado já formalizou autorização para aumento do capital social da CGD de 2,5 mil milhões de euros

Estado já formalizou autorização para aumento do capital social da CGD de 2,5 mil milhões de euros
| Economia
Porto Canal com Lusa

A Caixa Geral de Depósitos anunciou esta segunda-feira que o Estado já formalizou a autorização para o aumento do capital social do banco no montante de 2,5 mil milhões de euros.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a instituição informa que, "por deliberação social unânime por escrito de 17 de março de 2017, o acionista único da CGD (Estado Português) decidiu proceder ao aumento do capital social da CGD no montante de 2.500.000.000 euros, mediante a emissão de 500.000.000 novas ações ordinárias de valor nominal de 5,00 cada euros".

Este aumento de capital será subscrito e realizado pelo referido acionista no dia da liquidação da emissão das obrigações subordinadas 'additional tier 1' no montante de 500 mil euros.

Num outro comunicado, o banco diz que na sequência do recente acordo da Comissão Europeia para a concretização da segunda fase do plano de recapitalização "terão lugar na próxima semana um conjunto de apresentações (roadshow) junto de investidores institucionais, em Lisboa, Londres e Paris".

Após o 'roadshow' será anunciada a emissão de 500 milhões de euros de valores mobiliários representativos de fundos próprios adicionais de nível 1 e registadas as ordens de compra dos investidores em processo de 'book building', que permitirá apurar o montante subscrito por cada um deles, refere a CGD.

"A emissão e liquidação financeira dos valores mobiliários por parte dos investidores ocorrerá na semana seguinte, coincidindo com a data de realização do aumento de capital em dinheiro no valor de 2,5 mil milhões de euros por parte do Estado", explica.

"Estas duas operações são interdependentes porquanto a não realização de uma delas implica que a outra não se realize", acrescenta.

+ notícias: Economia

Défice público 'derrapa' 300 milhões de euros com aumento dos reembolsos fiscais

O défice orçamental das administrações públicas, em contabilidade pública, subiu para 1.931 milhões de euros nos primeiros quatro meses do ano, piorando 314 milhões face ao mesmo período do ano passado, indicou hoje o Ministério das Finanças.

Protocolo com Iberdrola leva ao investimento de 50 milhões de euros em sete municípios transmontanos

Sete municípios transmontanos vão investir 50 milhões de euros em projetos sociais e culturais até ao final de 2017. O montante resulta do protocolo estabelecido com a espanhola Iberdrola, empresa que está a construir três barragens no Alto Tâmega. O projeto hidroelétrico, um dos maiores a nível europeu, está orçado em 1.500 milhões de euros.

Centeno acredita que crescimento económico vai superar os 3% no 2.º trimeste

O ministro das Finanças acredita que o Produto Interno Bruto (PIB) vai crescer mais de 3% no segundo trimestre deste ano e que no total do 2017 poderá ficar acima dos 2%, superando a meta do Governo.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS